14
Qua, Nov

Grid List

Suspeitos estavam saindo da agência e perceberam a presença da polícia (Foto: Reprodução/Google Street View)

Cidade

Quatro suspeitos foram mortos na noite desta quinta-feira, 8, após tentativa de assalto a uma agência bancária em São Miguel Paulista, bairro da zona leste da capital. Segundo a Polícia Militar, quando os agentes chegaram ao local, os criminosos estavam saindo da agência do Banco do Brasil, na Rua Arlindo Colasso, e ao perceberam a presença da polícia, retornam e começaram a disparar contra os PMs. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), três suspeitos baleados morre ...

Hoje são quatro cursos superiores ofertados: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão Comercial, Tecnologia em Eventos e Tecnologia em Recursos Humanos (Foto: Divulgação)

Cidade

A Faculdade de Tecnologia (Fatec) do Ipiranga recebeu, este ano, o Selo de Responsabilidade Social por seus trabalhos desenvolvidos para a comunidade. Dentre os destaques, está o curso gratuito Melhor Idade no Mundo da Tecnologia, que está em sua quinta edição e é destinado a ensinar o uso de smartphones, tablets e computadores para idosos. O instituto celebra, em 2018, 10 anos de existência. Hoje são quatro cursos superiores ofertados: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão Com ...

Metrô pretende reduzir o acúmulo de passageiros nas plataformas (Foto: Rovena Rosa/ABR)

Cidade

A partir do dia 20 deste mês, o túnel de ligação entre as estações Paulista (Linha 4-Amarela) e Consolação (Linha 2-Verde), do Metrô, sofrerá grande mudança para os usuários. Três dos quatro conjuntos de esteiras rolantes presentes no local serão retirados. Parte do espaço será interditado quinta-feira, 15, e a expectativa é a de que as obras durem cinco dias. De acordo com o Metrô, a medida visa oferecer mais segurança e fluidez no túnel. Em horários de pico, o local fica ...

Evento com Chef Marcelo Malta será na Creche Biasi (Foto: Arquivo pessoal)

Cidade

No próximo sábado, 10, o coordenador do curso de Gastronomia da FAM, chef Marcelo Malta, juntamente com os alunos do curso, realizará um jantar beneficente no Centro de Promoção Social Cônego Luiz Biasi. Com o tema “Noite Árabe”, o evento terá pratos preparados pelos alunos do curso de gastronomia com supervisão de Malta. “Os alunos são responsáveis por todo o serviço, preparam os pratos, realizam o atendimento do salão, do bar e da recepção. É uma grande festa e que tem u ...

Jovem tinha apenas 16 anos (Foto: Arquivo pessoal)

Cidade

A adolescente Rayane Paulino Alves, de 16 anos, achada morta depois de sair de uma rave em Mogi das Cruzes, cidade da região metropolitana de São Paulo, foi assassinada por asfixia mecânica causada por estrangulamento. A causa da morte foi confirmada pelo primeiro laudo da perícia, entregue nesta terça-feira, 7, à Delegacia de Homicídios, que investiga o caso. O laudo aponta que o corpo apresenta uma fratura no osso hioide do pescoço da jovem, causada provavelmente pelo golpe conhecido ...

Ventania do fim de semana derrubou 454 árvores (Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/AE)

Cidade

Durante o último fim de semana, dias 3 e 4, o Corpo de Bombeiros registrou 454 quedas de árvores em toda a Região Metropolitana de São Paulo. Somente no sábado, 3, foram mais de 100 árvores derrubadas. De acordo com o presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo, José Roberto Geraldine Junior, o problema poderia ser evitado caso o monitoramento fosse melhor na Capital. “É preciso rever o Plano de Arborização Pública, especialmente o que diz respeito à identifica ...

Usuários sofreram na manhã desta terça-feira (Foto: Reprodução Twitter/La Toledo)

Cidade

Uma falha ocorrida hoje pela manhã, em um trem da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), gerou lotação na estação Perus, da Linha 7-Rubi. Os passageiros foram orientados a mudar de plataforma e acabaram atravessando os trilhos, o que é proibido e os coloca em risco. O problema ocorreu entre 6h20 e 7h15. O Metrô News questionou à empresa qual foi o tipo de falha e o que foi feito para amenizar a situação dos passageiros na estação. Aguarda-se retorno para publicação das ...

Coral deu início às atividades do Novembro Azul na Santa Casa (Foto: Vanessa Krunfli Haddad)

Cidade

A Santa Casa de São Paulo realiza, durante o mês de novembro, ações de conscientização à prevenção do câncer de próstata. Ontem, durante a abertura da campanha, houve apresentação do Coral da Faculdade de Ciências Médicas da entidade. Estão previstas palestras e panfletagem no Ambulatório Conde de Lara. De acordo com o Dr. Luís Gustavo Morato de Toledo, chefe do Serviço e Professor Adjunto da Disciplina de Urologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paul ...

Ação vai durar 35 dias no trecho entre as ruas Cônego Eugênio Leite e Joaquim Antunes (Foto: Reprodução/ Google Street View)

Cidade

A Rua dos Pinheiros, localizada na Zona Oeste da cidade, está com calçadas ampliadas em ambos os lados. A ação vai durar 35 dias no trecho entre as ruas Cônego Eugênio Leite e Joaquim Antunes. O projeto foi aprovado na Câmara no mês passado e a intervenção ocupa um espaço equivalente a 20 vagas de estacionamento rotativo, preservando as de idoso, pessoas com deficiência e carga e descarga. Segundo a administração pública, foram ampliados 790 m² de calçadas, com pintura e mobili ...

O local conta com 732 mil m² de extensão e estima-se que, durante a semana, 8 mil pessoas passem por lá diariamente. Durante os fins de semana, são 50 mil visitantes (Foto: José Luís da Conceição / Governo do Estado de São Paulo)

Cidade

Um homem de 29 anos foi preso temporariamente na noite de sábado, 3, suspeito de ter estuprado duas jovens, de 17 e 21 anos, no dia anterior, dentro do Parque Villa Lobos, em Pinheiros, na Zona Oeste da Capital. De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, ele teria utilizado uma arma de brinquedo para intimidar as vítimas. O caso foi registrado no 14º DP de Pinheiros. Segundo reportagem da RecordTV, o suspeito se chama André Ribeiro da Silva e trabalha como operador de empilhadeira. A Pol ...

Muitos jovens têm dificuldades em escolher carreiras e buscam ajuda psicológica (Foto: Divulgação)

Cidade

É comum as pessoas terem dúvidas em relação às mais diversas profissões que há no mercado. Muitas não conseguem se decidir com facilidade sobre qual carreira seguir e acabam realizando testes vocacionais. Mas, afinal, eles realmente funcionam? O Metrô News entrevistou especialistas e também conversou com profissionais que passaram por estes testes. O psicólogo Samuel Candido de Oliveira afirmou que eles estão entrando em desuso, porém admitiu que ainda podem ser úteis. “Os test ...

“Para continuar com a bolsa, é preciso não ter notas baixas e participar de palestras, promovidas pela Uninove, pelo menos duas vezes por semestre”, explicou a coordenadora Viviane Patrício Delgado (Foto: Reprodução/Google Street View)

Cidade

A Universidade Nove de Julho (Uninove) oferece a todos os estudantes que entram em suas graduações o Programa de Inclusão Universitária (PriUni). Não se trata de um financiamento estudantil, mas de concessão de bolsas de estudo, que podem chegar a até 100% da mensalidade, exceto nos cursos de Odontologia e Medicina. A coordenadora do PriUni, Viviane Patrício Delgado, explicou que a ação faz parte de uma ideia fixa da instituição: a de que a educação forma e transforma cidadãos. ...

Com música, luzes, neve e uma série de atrações, a Crefisa monta mundo dos sonhos na esquina mais natalina da cidade (Foto: Divulgação/Crefisa)

Cidade

Com música, luzes, neve e uma série de atrações, a Crefisa monta mundo dos sonhos na esquina mais natalina da cidade. A decoração de Natal da Crefisa já se tornou uma tradição e, neste ano, não seria diferente. Quem é apaixonado pela magia das festas de fim de ano já tem um compromisso marcado na Rua Canadá, próximo à Avenida Brasil, onde, mais uma vez, a Empresa preparou uma série de atrações para comemorar a época mais festiva do ano. Com o tema “Mundo dos Sonhos”, a Crefisa promete encantar adultos e crianças com uma decoração repleta de novidades, com o objetivo de tornar o Natal ainda mais especial. Quem passar pela decoração de Natal na Rua Canadá vai poder se divertir no playground, que conta com escorregadores, balanços, xícara giratória e roda-gigante. Além disso, a neve, que foi um sucesso no ano passado, volta em 2018 para encantar o público. Outra novidade preparada é o Game do Byron, o carismático mascote da Crefisa (cão da raça terra-nova). Quem visitar a decoração de Natal poderá brincar com o Byron por meio da plataforma interativa. Visita do Papai Noel e apresentação da banda Quarteto Mozart Como não poderia faltar em uma celebração de Natal, o Papai Noel e suas ajudantes, as Noeletes, estarão recebendo o público com doces e ao som de canções natalinas tocadas pela banda Quarteto Mozart. Confira abaixo a programação das apresentações  Espetáculo de Natal – Crefisa Apresentações da banda Quarteto Mozart, visitas do Papai Noel/Noeletes e demais atrações:  Dias 22 a 25/11; de 29/11 a 2/12; de 6 a 9/12; de 13 a 16/12; e de 20 a 23/12. As atividades das quintas e sextas-feiras serão das 18h às 22h, já as apresentações aos finais de semana serão das 18h às 23h. Local: Rua Canadá, nº 408 e 387, Jardim América, próximo à Avenida Brasil.

Manhã desta quinta-feira foi difícil para os usuários do transporte público (Foto: Reprodução/Twitter)

Cidade

Ao menos cinco linhas do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) tiveram problemas de operação na manhã desta quinta-feira. A primeira ocorrência foi logo no início da operação, quando um raio caiu entre as estações Francisco Morato e Jundiaí, afetando a circulação na Linha 7-Rubi. A Linha 11-Coral também foi afetada. No Metrô, por duas vezes, usuários entraram na via: uma na Estação Brás e outra na Belém, ambas na Linha 3-Vermelha. Às 8h30, os veículos circulavam por uma única via entre Tatuapé e Bresser. Para liberar o fluxo, o Metrô antecipou integração gratuita para a CPTM nas estações Corinthians-Itaquera e Tatuapé. Reflexos foram sentidos nas estações da Linha 1-Azul, que ficaram lotadas. Outro problema foi na Linha 15-Prata, em que houve falha no sistema de energização. A operação entre as estações Oratório e Vila União ficou comprometida. A reportagem procurou as assessorias de imprensa do Metrô e da CPTM. O Metrô ainda não se manifestou e a CPTM emitiu a seguinte nota: "Nesta quinta-feira, 18/10, das 04h50 às 06h50, os trens da Linha 7- Rubi (Luz –Jundiaí) circularam com maior intervalo devido à uma descarga elétrica atmosférica (raio) na região da Estação Francisco Morato que provocou uma falha no sistema de sinalização. Às 06h50, a circulação de trens entre as estações Luz e Francisco Morato foi normalizada. No trecho da extensão da Linha 7 (Francisco Morato e Jundiaí), os trens continuam circulando com maior intervalo. As equipes de manutenção da Companhia estão atuando no local e a previsão é normalizar a circulação na extensão da linha antes do horário de pico da tarde (por volta das 16h). Os usuários estão sendo orientados pelo serviço de som das estações e trens e também pelas redes sociais."

Estação deve ser concluída em breve (Foto: Bruno Rocha/Fotoarena/AE)

Cidade

A Estação São Paulo-Morumbi da Linha 4-Amarela do Metrô, administrada pela Via Quatro, será inaugurada ainda neste mês, segundo a Secretaria de Transportes Metropolitanos (STM), que não quis confirmar uma data exata. Hoje, o governador Márcio França (PSB) deve realizar uma vistoria técnica no local. Candidato à reeleição, o governador não poderá participar da inauguração da nova parada. A proibição ocorre por conta da Legislação Eleitoral, que impede candidatos de participarem de inaugurações de obras públicas. É provável, conforme apurado pela reportagem, que o início da operação assistida da nova estação, que coloca o trajeto em funcionamento, inicialmente, apenas nos finais de semana, ocorra neste sábado. 

Hoje são quatro cursos superiores ofertados: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão Comercial, Tecnologia em Eventos e Tecnologia em Recursos Humanos (Foto: Divulgação)

Cidade

A Faculdade de Tecnologia (Fatec) do Ipiranga recebeu, este ano, o Selo de Responsabilidade Social por seus trabalhos desenvolvidos para a comunidade. Dentre os destaques, está o curso gratuito Melhor Idade no Mundo da Tecnologia, que está em sua quinta edição e é destinado a ensinar o uso de smartphones, tablets e computadores para idosos. O instituto celebra, em 2018, 10 anos de existência. Hoje são quatro cursos superiores ofertados: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão Comercial, Tecnologia em Eventos e Tecnologia em Recursos Humanos. Para quem curte acompanhar novidades pela rede, a Fatec Ipiranga mantém um programa no Youtube, o Papo Empreendedor, voltado para pessoas interessadas no universo de empreendedorismo. O primeiro programa produzido pode ser visualizado abaixo:  A instituição também conta com o Plantão de Esclarecimento de Dúvidas do Comitê de Políticas Antidiscriminatórias, voltado às pessoas que se encontram em situações de discriminação por qualquer motivo, desde racial, violência doméstica, entre outros. Ele pode ser consultado pelo e-mail: comite.pa@fatecipiranga.edu.br Serviço Fatec Ipiranga Rua Frei João, 79, entre as estações Alto do Ipiranga e Sacomã

Suspeitos estavam saindo da agência e perceberam a presença da polícia (Foto: Reprodução/Google Street View)

Cidade

Quatro suspeitos foram mortos na noite desta quinta-feira, 8, após tentativa de assalto a uma agência bancária em São Miguel Paulista, bairro da zona leste da capital. Segundo a Polícia Militar, quando os agentes chegaram ao local, os criminosos estavam saindo da agência do Banco do Brasil, na Rua Arlindo Colasso, e ao perceberam a presença da polícia, retornam e começaram a disparar contra os PMs. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), três suspeitos baleados morreram no local e um quarto ferido foi socorrido a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Quatro armas foram apreendidas. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Estudantes devem ficar atentos em relação ao horário (Foto: Rovena Rosa/ABR)

Cidade

No próximo dia 4 de novembro, estudantes de todo o Brasil terão a oportunidade de realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em busca de uma pontuação para conseguir uma vaga em uma universidade pública ou mesmo uma bolsa de estudo por meio do ProUni. Tradicional vilão deste evento, os atrasos ganharão um novo aliado contra os que estiveram distraídos: o horário de verão. Quando o relógio chega à meia-noite do dia 4, os estudantes deverão adiantar seu relógio em uma hora para evitar atrasos. Com o novo horário, o estudante não pode esquecer que os portões serão abertos ao meio-dia e fechado às 13h. Qualquer atraso significa um game over para as provas deste ano e uma nova oportunidade de estudo para o próximo. Para evitar este problema, o estudante Guilherme Garbim Leite Moreira de Carvalho, de 17 anos, pretende dormir cedo e chegar bem antes do horário no local da prova.  “Tem muita gente que vai perder o horário porque não vai estar atento. Eu pretendo chegar bem cedo, almoçar próximo do loca e assistir algumas vídeo-aulas para revisar o conteúdo”, afirmou Carvalho. Segundo o coordenador do Anglo Vestibulares, Daniel Perry, de forma “sincera”, não há muito o que se fazer, trata-se de um problema simples de ser resolvido. “Nós temos duas linhas de orientação: ficar atento à mudança de horário para não se atrasar, anotar em uma agenda, em locais visíveis, para não perder o risco de perder a hora e, no dia de fazer a prova, dormir uma hora mais cedo para acordar uma hora mais cedo e não fazer a prova com sono”. De acordo com ele, os estudantes estão mais preocupados com o conteúdo, formato e dificuldade da prova do que com o horário de verão, mas é bom se precaver.  Sono pode trazer problemas Segundo a psicóloga e pedagoga Luciana Azevedo, o horário de verão pode impactar no rendimento de alguns estudantes, já que  horário de verão mexe com a rotina de sono, que é o período de consolidação da memória e o relaxamento do corpo e de suas funções motoras. “Uma noite mal dormida pode gerar diversos problemas, entre eles desatenção, cansaço, irritação, perda ou amento de apetite e até uso demasiado de cafeína”, afirmou a especialista. Ela orienta os estudantes, no dia anterior a prova, a dormirem pelo menos oito horas e evitar o uso de aparelhos eletrônicos ou luzes antes do descanso para que a melatonina (hormônio que induz ao sono por meio da diminuição da luz solar) chegue atrasada. (EC) Aplicação de provas terá quatro fusos horários diferentes   Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018, que vão fazer a primeira prova em 4 de novembro, devem ficar atentos à entrada em vigor do horário brasileiro de verão. O fechamento dos portões no dia da prova está previsto para as 13 horas, pelo horário de Brasília. Com a entrada do novo horário, o país passará a ter quatro fusos horários diferentes. À meia-noite de sábado, 3, para domingo, 4, os relógios dos estudantes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal, deverão ser adiantados em uma hora. Com isso, a abertura dos portões às 12h e o fechamento às 13h ocorrerá no Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Já no Amapá, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, a abertura dos portões será às 11h e o fechamento às 12h, seguindo o horário local.  Nos estados do Amazonas, Rondônia e Roraima, a abertura dos portões nos locais de aplicação do Enem será realizada às 10h e o fechamento às 11h, seguindo o horário local. Já no Acre, único estado brasileiro cujo fuso horário tem três horas a menos em relação ao horário de Brasília, os portões serão abertos às 9h e fechados às 10h, também pelo horário local.

VEJA NOSSA EDIÇÃO VIRTUAL

Presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou a decisão pelo Twitter (Foto: Divulgação)

Mundo

O presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou há pouco a indicação do embaixador Ernesto Fraga Araújo para o cargo de ministro das Relações Exteriores de seu governo. Diplomata há 29 anos, Araújo é diretor do Departamento de Estados Unidos, Canadá e Assuntos Interamericanos do Itamaraty. Bolsonaro anunciou a indicação por meio de sua conta no Twitter. “A política externa brasileira deve ser parte do momento de regeneração que o Brasil vive hoje”, escreveu o presidente eleito, classificando o diplomata como um “um brilhante intelectual.” Com o novo anúncio, sobe para oito os nomes confirmados para a equipe ministerial do governo eleito. Alguns escolhidos atuam diretamente no governo de transição. Nas declarações públicas, Bolsonaro avisou que pretende reduzir de 29 para de 15 a 17 o número de ministérios, extinguindo pastas e fundindo outras. A política externa brasileira deve ser parte do momento de regeneração que o Brasil vive hoje. Informo a todos a indicação do Embaixador Ernesto Araújo, diplomata há 29 anos e um brilhante intelectual, ao cargo de Ministro das Relações Exteriores. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018

"Atualmente, Cuba fica com a maior parte do salário dos médicos cubanos e restringe a liberdade desses profissionais e de seus familiares", disse o presidente eleito (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Saúde

O governo cubano informou nesta quarta-feira, 14, que está se retirando do programa social Mais Médicos do Brasil após declarações "ameaçadores e depreciativas" do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que anunciou mudanças "inaceitáveis" no projeto do governo. O convênio com o governo cubano é feito entre Brasil e a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). "Diante desta realidade lamentável, o Ministério da Saúde Pública (Minasp) de Cuba tomou a decisão de não continuar participando do programa Mais Médicos e assim comunicou a diretora da Organização Panamericana da Saúde (OPS) e aos líderes políticos brasileiros que fundaram e defenderam esta iniciativa", anunciou a entidade em um comunicado. Cuba tomou a decisão de solicitar o retorno dos mais de 11 mil médicos cubanos que trabalham hoje no Brasil depois que Bolsonaro questionou a preparação dos especialistas e condicionou a permanência no programa "à revalidação do diploma", além de ter imposto "como via única a contratação individual". O programa Mais Médicos tem 18.240 vagas em 4.058 municípios, cobrindo 73% das cidades brasileiras. Quando são abertos chamamentos de médicos para o programa, a seleção segue uma ordem de preferência: médicos com registro no Brasil (formados em território nacional ou no exterior, com revalidação do diploma no País); médicos brasileiros formados no exterior; e médicos estrangeiros formados fora do Brasil. Após as primeiras chamadas, caso sobrem vagas, os médicos cubanos são convocados. "Não é aceitável que se questione a dignidade, o profissionalismo e o altruísmo dos colaboradores cubanos que, com o apoio de suas famílias, presta serviços atualmente em 67 países", declarou o governo. "As mudanças anunciadas impõem condições inaceitáveis e violam as garantias acordadas desde o início do programa, que foram ratificados em 2016 com a renegociação da cooperação entre a Organização Pan-Americana da Saúde e o Ministério da Saúde do Brasil e de Cooperação entre a Organização Pan-Americana da Saúde e o Ministério da Saúde Pública de Cuba. Essas condições inadmissíveis impossibilitam a manutenção da presença de profissionais cubanos no Programa", informou em nota o Ministério da Saúde. De acordo com o governo cubano, em cinco anos de trabalho no programa brasileiro, cerca de 20 mil médicos atenderam a 113.539 milhões de pacientes em mais de 3,6 mil municípios. "Mais de 700 municípios tiveram um médico pela primeira vez na história", disse o governo. Segundo o governo de Cuba, mais de 20 mil médicos cubanos passaram pelo Brasil e chegaram a compor 80% do contingente do Mais Médicos, criado no governo Dilma Rousseff. Cuba anunciou que manteria o programa depois do impeachment da ex-presidente petista, apesar de considerar o afastamento um "golpe de Estado". Bolsonaro critica Cuba O presidente eleito Jair Bolsonaro usou as redes sociais para criticar a decisão do governo cubano.  Condicionamos à continuidade do programa Mais Médicos a aplicação de teste de capacidade, salário integral aos profissionais cubanos, hoje maior parte destinados à ditadura, e a liberdade para trazerem suas famílias. Infelizmente, Cuba não aceitou. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018 Além de explorar seus cidadãos ao não pagar integralmente os salários dos profissionais, a ditadura cubana demonstra grande irresponsabilidade ao desconsiderar os impactos negativos na vida e na saúde dos brasileiros e na integridade dos cubanos. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018 Atualmente, Cuba fica com a maior parte do salário dos médicos cubanos e restringe a liberdade desses profissionais e de seus familiares. Eles estão se retirando do Mais Médicos por não aceitarem rever esta situação absurda que viola direitos humanos. Lamentável! — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018

e temos na Bolívia um presidente índio, por que aqui o índio tem que ficar confinado numa reserva?", questionou Bolsonaro (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Nacional

O presidente eleito da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta quarta-feira, 14, que quer preservar o meio ambiente, mas "não dessa forma que está aí". Ele culpou políticas ambientais e indigenistas pelo atraso de algumas regiões do País e disse que "o índio quer ser o que nós somos". Bolsonaro citou como exemplo a situação de Roraima, que disse ter potencial para ser "o Estado mais rico do Brasil". "Se não tivesse problemas ambientais e indigenistas, tinha tudo para ser Estado mais rico do Brasil. Esse é um problema que temos que resolver. O índio quer ser o que nós somos, o índio quer o que nós queremos. Se temos na Bolívia um presidente índio, por que aqui o índio tem que ficar confinado numa reserva?", declarou Bolsonaro . Durante reunião com governadores, em Brasília, Bolsonaro contou que está na iminência de anunciar o nome do seu ministro do Meio Ambiente e afirmou que "não será o que dizem". Lembrou, ainda, que desistiu de fundir a pasta com a Agricultura por orientações do setor produtivo.

Doria é um dos governadores eleitos que já declararam apoio a Bolsonaro (Foto: Reprodução/Twitter)

Opinião

A solução dos problemas começa com um diálogo franco e aberto. Daí ser louvável a reunião agendada para hoje, em Brasília, entre o presidente eleito Jair Bolsonaro e os 27 novos governadores do País. Todos eles têm um grande desafio pela frente, mas, evidentemente, se trabalharem em parceria, e não boicotando o que pode ser bom para o Brasil, haverá grande chance de que os remédios necessários sejam encontrados e o trabalho seja bem feito. Os futuros chefes do Executivo estadual têm muito a contribuir com o presidente eleito. E, politicamente, também têm muito a ganhar, quando o projeto deste novo Brasil der certo. Percebe-se que, aos poucos, as nuvens negras de uma campanha desgastante vão se dissipando, a razão começa a prevalecer e, ao invés de torcer contra, é cada vez maior o número daqueles que preferem alimentar a esperança que a descrença. Aliás, uma célebre frase do escritor latino Públio Siro, diz que “quem perdeu a confiança não tem mais o que perder.” A hora não é para isso. Na verdade, o momento pede que se dê crédito aos novos condutores da Nação e que se guardem as pedras previamente preparadas para serem jogadas na vidraça. E muitos dos novos governadores estão dispostos a ajudar Bolsonaro, inclusive na aprovação da reforma da Previdência, essencial para o ajuste das contas públicas do País. Por sua vez, a maioria das Unidades da Federação também está com suas contas no vermelho, por gastarem mais do que arrecadam, e esperam suporte da União para manter a máquina funcionando. Relatório do Tesouro Nacional, por exemplo, apontou que 16 Estados mais o DF descumpriram a Lei de Responsabilidade Fiscal no ano passado, ao destinar mais de 60% da receita para o pagamento de salários e aposentadorias. Assim, sobra cada vez menos para serviços básicos, como segurança e educação. Os problemas são complexos, daí a necessidade do diálogo e da busca por novas perspectivas. E a reunião de hoje em Brasília, com Bolsonaro e os governadores, oferece exatamente esta oportunidade. Desde agora, a capacidade de cada um deles estará colocada à prova, mas já começam bem, buscando o apoio e o entendimento mútuo, ao invés da divisão pura e simples. No final, quem ganha mesmo com isso é o Brasil e os brasileiros. Ainda bem!
or
or

Articulistas

Colunistas

Sucesso do agronegócio é fundamental para a economia brasileira e a geração de empregos (Foto: Antonio Costa/Fotos Públicas)

Opinião

Doria é um dos governadores eleitos que já declararam apoio a Bolsonaro (Foto: Reprodução/Twitter)

Opinião

Tentaram boicotar até um programa que visa a ajudar crianças com deficiência física, o Teleton, apenas por que Sílvio Santos agradeceu e enalteceu o presidente eleito (Foto: Reprodução/SBT)

Opinião

O uso de bicicletas reduz problemas na Mobilidade e na Saúde, como a diminuição da poluição (Foto: Rovena Rosa/Ag Brasil/Fotos Públicas)

Opinião