Grid List

Além do Morumbi, Allianz Parque também será palco do torneio Sul-Americano (Foto: Rubens Chiri/SaoPauloFC.net)

Futebol

A organização da Copa América de 2019, no Brasil, oficializou nesta terça-feira, 18, os estádios que receberão as partidas do torneio. Os jogos serão em seis sedes, com o Morumbi como palco da abertura, em 14 de junho, e o Maracanã como sede de final, em 7 de julho. As partidas também serão realizadas na Arena Grêmio, em Porto Alegre, na Fonte Nova, em Salvador, no Allianz Parque, em São Paulo, e no Mineirão, em Belo Horizonte. A oficialização das seis sedes veio depois de reuni ...

Tricolor gaúcho pode perder por até um gol de diferença no jogo de volta (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FPBA/Fotos Públicas)

Futebol

O Grêmio está perto da classificação às semifinais da Copa Libertadores. Nesta terça-feira, 18, mesmo atuando na Argentina, o time gaúcho superou o Atlético Tucumán por 2 a 0, com gols de Everton e Alisson, e abriu ótima vantagem no confronto pelas quartas de final da competição, que terá o seu duelo de volta disputado em 2 de outubro. Para construir a vitória desta terça-feira, o Grêmio conseguiu sobreviver ao sufoco imposto pelo clube argentino nos minutos iniciais, além de ...

Messi brilha logo no primeiro jogo da Champions da temporada 2018/2019 (Foto: Reprodução/Facebook)

Futebol

O Barcelona mostrou força em sua estreia na Liga dos Campeões. Sob o comando de Lionel Messi, autor de três gols, o time espanhol aplicou 4 a 0 no PSV Eindhoven, no Camp Nou, nesta terça-feira. Ousmane Dembélé anotou o outro gol dos anfitriões, que tiveram Philippe Coutinho como titular. Arthur, em sua estreia na competição, entrou somente nos minutos finais. O resultado deixou o Barcelona na liderança do Grupo B, com três pontos, por ter maior saldo de gols que a Inter de Milão. O ...

Wallace foi o maior pontuador da partida (Foto: Divulgação/FIVB/Fotos Públicas)

Esporte

A seleção brasileira masculina de vôlei encerrou sua participação na primeira fase do Mundial com vitória. Nesta terça-feira, os comandados do técnico Renan Dal Zotto bateram a frágil equipe da China por 3 sets a 0, com parciais de 25/21, 25/22 e 25/17, na cidade búlgara de Ruse. O time nacional já entrou em quadra classificado para a fase seguinte. Com o triunfo, detém no momento a primeira colocação do Grupo B, com 11 pontos, à frente da Holanda, que tem a mesma pontuação, p ...

Ex-atleta não vai mais se dividir entre Seleção e Inter de Milão (Foto: Divulgação/CBF)

Futebol

O coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar, confirmou que Sylvinho se tornou membro permanente da comissão técnica da seleção brasileira. O ex-jogador vinha trabalhando com a comissão técnica de Tite desde 2006, mas estava dividindo suas atribuições com a Inter de Milão e vinha sendo convocado para atuar na seleção, assim como os jogadores. A partir de agora, ele será integrante efetivo da equipe de Tite. "O Sylvinho vai fazer parte agora da nossa comissão técnica efetivament ...

Futebol de várzea revela grandes nomes dentro e fora das quatro linhas (Foto: Reprodução/Facebook)

Futebol

Futebol raiz. Celeiro de grandes craques, talentos, amizade e muita competição. O futebol amador, na famosa várzea, ainda movimenta milhares de “atletas de final de semana” Brasil afora. Peladas, amistosos e campeonatos. A bola rola em campos e quadras com equipes organizadas, que mantêm a paixão do torcedor-jogador. A qualidade dos gramados e das quadras de futsal nem sempre é a ideal. A realidade, porém, é que a paixão pelo esporte supera toda e qualquer dificuldade para os boleir ...

Meia não tem presença garantida em jogo do próximo sábado (Foto: Reprodução/Instagram)

Futebol

A boa notícia desta segunda-feira no São Paulo foi que o exame realizado no meia-atacante Everton não detectou uma nova lesão na coxa esquerda. O camisa 22 precisou ser substituído ainda no primeiro tempo do clássico contra o Santos, domingo, na Vila Belmiro. A má notícia é que, mesmo assim, ele virou dúvida para o jogo diante do América-MG, sábado, às 16h, no Morumbi. De acordo com o clube, o incômodo não tem a ver com o estiramento muscular que tirou o jogador de campo nas trê ...

Campeonatos de futebol de botão podem melhorar o ambiente de trabalho (Foto: Reprodução/Facebook)

Futebol

O mês de setembro inaugura um ponto importante para os departamentos de RH e marketing, que se responsabilizam pela elaboração de ações de confraternização para os colaboradores. Esta é e hora de pensar em como conseguir engajamento, trabalho em equipe, entretenimento e, claro, uma experiência inesquecível aos funcionários no final do ano. Uma jogada certeira para isto é utilizar o esporte como ferramenta, como explicou o diretor da RP2 Sport Marketing, Raony Pacheco. "Diversas ativ ...

Jadson comemora gol corintiano (Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians)

Futebol

A 25ª rodada do Campeonato Brasileiro 2018 teve apenas um paulista vencedor: o Corinthians, de Jair Ventura, voltou a somar três pontos depois de três rodadas. Palmeiras, Santos e São Paulo somaram apenas um ponto cada. O Tricolor voltou a ser líder. Sansão tem saldo positivo para Tricolor Santos e São Paulo empataram em 0 a 0, no domingo, 16. A melhor oportunidade da partida foi com Rodrygo, que perdeu a chance de abrir o placar (vídeo), frente a frente com Sidão. Com o empate, o P ...

CR7 foi o responsável pelos três pontos da Juventus neste domingo (Foto: Reprodução/Facebook)

Futebol

Cristiano Ronaldo, enfim, marcou pela primeira - e segunda - vez com a camisa da Juventus. O atacante português fez os dois gols da equipe dele na vitória por 2 a 1 contra o Sassuolo, em partida disputada em casa, pela quarta rodada do Campeonato Italiano. O resultado garantiu à Juventus a manutenção da campanha perfeita no torneio, com 12 pontos ganhos em 12 disputados. Se vencesse, o Sassuolo ultrapassaria o atual heptacampeão nacional, mas sofreu a primeira derrota na competição e ...

Atualmente sem clube, Luxemburgo ainda é um dos treinadores mais vitoriosos da história do futebol brasileiro (Foto: Bruno Cantini/ Clube Atlético MG/Fotos Públicas)

Futebol

No mês de outubro, a cidade de São Paulo será palco de um grande encontro com personalidades do futsal e do futebol. O I Futwork acontecerá nos dias 30 e 31 de outubro, no Novotel, localizado na Zona Norte.  Uma das personalidades confirmadas é o técnico Vanderlei Luxemburgo. O treinador fará parte do debate sobre “Futsal como pilar de formação, dificuldades na caminhada. A receita de quem conquistou o mundo”. Outra presença já confirmada neste painel é a de Falcão. Dentre ou ...

Gol de Barcos, logo no início do jogo, atrapalhou os planos palmeirenses (Foto: Bruno Haddad / Cruzeiro)

Futebol

Pelo menos no primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil, o técnico Mano Menezes mostrou estar mais "copeiro" do que Luiz Felipe Scolari. O Cruzeiro bateu o Palmeiras nesta quarta-feira por 1 a 0, no Allianz Parque, ao conseguir um gol aos quatro minutos de partida e passar grande parte do tempo restante na defesa para segurar um resultado importante. No dia 26, no Mineirão, a equipe celeste precisa de um empate para ir à decisão. Mano Menezes e Felipão travaram o duelo de comandantes c ...

Alexandre Barros quer reduzir custos da Lusa e urbanizar o Canindé (Foto: Ivo Lindbergh)

Futebol

Que a Portuguesa de Desportos está afundada em dívidas e sem divisão no futebol nacional, a maioria dos amantes do esporte sabe. Prestes a completar 22 anos de seu vice-campeonato brasileiro, o clube praticamente não tem mais qualquer expressão no cenário esportivo do País, vive de acordos que rendem pouco dinheiro para a instituição e não tem perspectivas de melhora a curto prazo. Mesmo assim, a Lusa permanece sendo uma paixão para sua torcida. O Metrô News acompanhou a vitória por 1 a 0 do time contra o Taboão da Serra no Estádio do Canindé, na última quarta-feira, 29, às 16h. O horário não é dos melhores para uma partida de futebol. 500 torcedores compareceram ao local e não pararam de gritar (Foto: Ivo Lindbergh) Mais informações sobre a Copa Paulista aqui Obviamente é um cenário bastante diferente daquele visto nos últimos anos: Canindé lotado e palco de partidas contra os principais times do Brasil. Em novembro de 2013, por exemplo, a equipe venceu o Atlético Mineiro por 2 a 0 em seus domínios. Cinco anos depois, possui poucas esperanças de voltar a viver uma grande fase. Há anos cobrindo a rotina da agremiação, o radialista Alexandre Barros foi eleito no fim de 2016 como presidente da Portuguesa. Poucos meses antes de completar dois anos de mandato, ele acredita que a Lusa só será salva se tiver consciência de seu lugar hoje no futebol. Citou como primeiras ações o enxugamento do quadro de funcionários, redução dos gastos e a urbanização do Canindé. Dívida de R$ 350 milhões O presidente sabe que a situação se agrava a cada dia. “A gente não fala em valores exatos da dívida, porque pode aumentar ou diminuir a qualquer momento. Mas acreditamos que ela esteja, hoje, em R$ 350 milhões”, afirmou. Parece inacreditável que a Lusa, formadora de jogadores como Zé Roberto, Djalma Santos, o saudoso Dener e Ricardo Oliveira, para citar somente quatro deste celeiro de craques, hoje esteja tão amarrada e não consiga fazer qualquer investimento em seu time. O clube, atualmente, disputa a Copa Paulista e a Série A2 do campeonato estadual. De acordo com o executivo, a única forma de combater a dívida é alugar espaços do clube social, ainda que isso renda pouco dinheiro para os cofres lusitanos. O presidente fez acordo com investidores para instalar uma Feirinha da Madrugada, durante seis meses, no espaço onde ficava o famoso “areião”, por R$ 75 mil mensais. “Esse valor já foi investido no pagamento de atletas, comissão técnica, despesas”, disse Barros. Jornalistas criticam gestão de Alexandre Barros Para o torcedor apaixonado e jornalista Flávio Gomes, a gestão de Alexandre Barros é totalmente negativa. “Não há nenhum ponto positivo. O clube deveria viver, hoje, de seu patrimônio e do futebol, mas foi tudo destruído, deixado para apodrecer”, disse. Sobre a Feirinha da Madrugada, o jornalista também se posicionou contra. “É um contrato longo, vai significar mais um complicador quando a Portuguesa precisar do seu patrimônio. A não ser que o presidente acredite que o clube vai se salvar alugando espaço para barraquinha e o ginásio para crente fazer show de música gospel”, afirmou. Ex-repórter do site Lusa News, Chrystian Gedra acredita que falta transparência à gestão de Barros. “Concordo que temos que monetizar todos os espaços do clube, mas isso tem que ser debatido, conversar e notificar as ações”, comentou. Presidente vê um desafio por dia e enxerga luz no fim do túnel  (Foto: Ivo Lindbergh)  Gomes afirmou que uma alternativa para sair da crise seria oferecer a gestão do futebol para clubes portugueses. “Eles têm excelência em gestão esportiva. O Benfica e o Porto são dois dos times mais ricos do mundo. A ideia é que a Portuguesa se oferecesse a eles”, disse. Segundo o jornalista, se a cada dois anos houver a revelação de um talento brasileiro, os clubes recuperariam seu investimento na Lusa. “Seria uma parceria útil para os dois”, afirmou. Não houve, por parte do presidente da Portuguesa, Alexandre Barros, qualquer manifestação sobre isso durante sua conversa com o Metrô News. Copa Paulista é a competição mais importante das nossas vidas, diz técnico Técnico da Portuguesa desde fevereiro deste ano, o jovem Allan Aal, de 39 anos, tem uma fixação em sua mente: ganhar a Copa Paulista. Para o treinador, este seria o primeiro passo para a Lusa começar a “sair do buraco”. “Vamos lutar pela Copa Paulista. Disputá-la como se fosse a competição mais importante de nossas vidas. Tenho a consciência de que é difícil contratar jogadores. Há atletas que não acreditam que a situação está melhor em relação à de anos anteriores. Mas continuamos trabalhando para honrar a tradição da Portuguesa”, disse o comandante após a suada vitória contra o Taboão da Serra, no último dia 29, no Canindé. Para Allan, os problemas extracampo não podem atrapalhar o desempenho da equipe dentro das quatro linhas (Foto: Ivo Lindbergh) “Primeiramente, eu tenho um orgulho de trabalhar neste clube por causa de sua história, torcida e tradição. Sabemos das dificuldades, mas tentamos manter o equilíbrio dentro de campo, sem deixar que questões políticas nos afete. Sabemos que se conseguirmos fazer um bom trabalho, esta atmosfera pesada vai ficar um pouco mais leve. Acredito que o clube possa voltar a ocupar um lugar de destaque no futebol brasileiro. Não é um trabalho a curto prazo. É a médio e a longo prazos”.   Opinião dos torcedores Renato Ordens, 15 anos, estudante: “Minha mãe me motiva a torcer pela Lusa. E ela foi incentivada pelo meu avô. Venho ao Canindé desde os dois anos de idade. A Portuguesa não vai sair desta situação tão rapidamente. Tem que começar a ganhar a Copa Paulista. É possível voltar aos bons tempos. A Chapecoense conseguiu chegar à elite em pouco tempo e ainda se manteve mesmo com o acidente”. Márcia Ordens, 53 anos, propagandista: “A Portuguesa teve esta queda brusca por causa de corrupção. Acredito que o presidente Alexandre Barros tenha boa vontade, mas o clube não tem recursos. Os empresários têm medo de investir na Portuguesa por causa do histórico recente de desvio de recursos. Para a Portuguesa sair desta, o clube precisa de apoio financeiro. Necessita, sobretudo, do apoio da torcida. Do jeito que está, fica difícil acreditar que voltaremos aos nossos melhores dias”. Daniel Jorge, 13 anos, estudante: “Torço para a Portuguesa por causa da minha família. Meus avós e alguns tios nasceram em Portugal. Gostaria muito que o clube voltasse a disputar títulos, mas precisa de dinheiro para que isto aconteça”. Gabriel Pereira, advogado: “Eu tenho algumas ideias para que a Portuguesa volte ao lugar que merece. A primeira medida é que o Canindé seja tombado como patrimônio cultural da cidade de São Paulo. A segunda é abrir uma CPI para apurar o caso Hérverton. Só assim, os responsáveis serão responsabilizados e punidos. Além disto, o clube pode fazer com que netos de portugueses obtenham a cidadania portuguesa de uma maneira mais simples. E, por último, fortalecer o intercâmbio científico-cultural entre as universidades brasileiras e portuguesas”. Adão Junior, 23 anos, estudante: "Necessitamos da construção de um novo estádio. O Canindé está caindo aos pedaços e precisa de uma reestruturação.  Fazer parcerias para dar movimentação financeira ao clube. A área da Portuguesa é um pólo bastante movimentado e privilegiado. Dá para fazer algum shopping ou alguma casa de show. É preciso, também, reformar o Conselho Deliberativo. Há poucas pessoas atuando e com isso não há fiscalização do que o presidente faz". *Jean Sfakianakis, Raphael Pozzi e Vinícius Bacelar

Encontro promove diversidade de camisas de futebol (Foto: Reprodução/Facebook Atrox))

Futebol

No próximo sábado, 1º, das 10h00 às 16h00, será realizado o 2° Encontro Nacional dos Colecionadores de Camisas de Futebol (Encofut), na Arena Fut 7 do Nacional Atlético Clube, à Av. Marquês de São Vicente, 2477 - Barra Funda- São Paulo/SP. O evento será gratuito e aberto a todos os colecionadores que quiserem vender, comprar, trocar ou simplesmente expor suas camisas. Para o encontro, já estão confirmados participantes de Goiás, São Paulo, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Pernambuco. O Nacional foi sede do 1° Encontro em abril de 2018, que foi um sucesso. Agora os organizadores esperam repetir a dose. De acordo com o produtor Caio Prazeres,  o ENCOFUT tem como objetivos fomentar a cultura do colecionismo futebolístico, facilitar o intercâmbio de informações a respeito de itens colecionáveis e criar relações interpessoais entre aficionados. “Teremos a presença de pessoas que têm por missão cultivar e manter a história do futebol em todas as suas mídias. Escolhemos o Nacional como sede porque é um ícone tradicionalíssimo do futebol Paulistano, tendo assim total relação com a meta principal de nosso evento que é celebrar o futebol e suas tradições”, declarou Caio. Serviço Evento: 2° Encontro Nacional dos Colecionadores de Camisas de Futebol Data: 01 de setembro de 2018, sábado Horário: 10h00 às 16h00 Local: Arena Fut 7 - Nacional Atlético Clube Endereços: Rua Comendador Souza, 348 – Barra Funda – São Paulo/SP Av. Marquês de São Vicente, 2477 - Barra Funda- São Paulo/SP Estacionamento no Local: R$ 15,00 Mais informações: (11) 98741-7292   

Tenista afirmou que não deve repetir figurino (Foto: Reprodução/Instagram)

Esporte

Serena Williams, a maior jogadora de tênis de todos os tempos, está no olho de uma polêmica que não envolve sua performance em quadra. Em entrevista da 500ª edição da Tennis Magazine, Bernard Giudicelli, presidente da Federação Francesa de Tênis, disse que "acho que às vezes fomos longe demais", sobre o uniforme usado pela atleta no torneio Roland Garros, em maio. "Isso não será mais aceito", continua ele. "O jogo e o local devem ser respeitados". Giudicelli também afirmou que o campeonato passará a ter regras de vestimenta. A roupa em questão, um macacão preto fabricado pela Nike, que a fez se sentir como uma "princesa guerreira" do longa metragem Pantera Negra. "Eu o chamo de meu macacão inspirado em Wakanda. Nós o fizemos antes do filme, mas ainda me lembra disso", disse a atleta ao The Guardian. A peça foi desenvolvida com uma tecnologia especial para ajudar a circulação, uma vez que Serena teve complicações no parto de sua filha, Alexis Olympia Ohanian Jr. Perguntada sobre o assunto em uma coletiva, a atleta afirmou que possui uma boa relação com Giudicelli e que tudo está bem. "Quando se trata de moda, você não quer repetir", explicou ela brincando e acrescentando que já "achou outros métodos" para prevenir coágulos.

Mesmo veterano, Tom Brady é um dos destaques da NFL (Foto: Shawn Hubbard / NFL/Fotos Públicas)

Esporte

Hoje é véspera de feriado, mas há outro motivo para que os amantes de futebol americano fiquem ansiosos para que o dia passe rápido. Depois de sete meses, hoje, a partir das 21h20, os jogadores voltam à campo pela National Football League (NFL). A partida inaugural será entre o atual campeão Philadelphia Eagles e o Atlanta Falcons. O Metrô News conversou com quatro apaixonados pelo esporte, que jogam profissionalmente em times de São Paulo, e comprovou que a expectativa grande. Rafael Deboni (Defensive Lineman do Mooca Destroyers), Alan Sá Barbosa (Defensive Lineman da Portuguesa Futebol Americano), Douglas Calabres (Defensive End do Mooca Destroyers) e Jonathan Salazar (Defense Line do Mooca Destroyers) comentaram sobre a temporada 2018/2019. “Setembro sempre chega. A expectativa é enorme. Os amantes da bola oval aproveitam as ‘férias’ prestigiando o esporte praticado aqui no Brasil, com ótimos times em todas as regiões”, disse Sá Barbosa. Para Salazar, a “tortura” finalmente termina hoje. “Assisto a todos os jogos possíveis e posso dizer que cada partida é uma emoção diferente”, afirmou. A NFL é disputada em duas conferências: a American Football Conference (AFC) e a NFC (National Football Conference). De acordo com Deboni, na primeira os favoritos são New England Patriots e Pittsburgh Steelers. No caso da NFC, segundo Calabres, quem disputa o título são Philadelphia Eagles e Minnesota Vikings. Bate papo com os jogadores Alan Sá Barbosa (Defensive Lineman da Portuguesa Futebol Americano) Torce para o New York Jets “A expectativa sempre é grande, saber se os melhores times do ano passado irão continuar no topo e se os piores conseguirão novas armas para se equiparar na disputa. É um período de sete meses sem NFL” Favoritos: New England Patriots (AFC), Philadelphia Eagles e Green Bay Packers (NFC) Rafael Deboni (Defensive Lineman do Mooca Destroyers) Torce para o Detroit Lions “O período de férias da NFL é muito longo, muito tempo sem acompanhar um jogo profissional, sem as novidades dos times, sem transmissões de qualidade e sem ter a emoção do jogo, é ruim essa falta” Favoritos: New England Patriots e Pittsburgh Steelers (AFC), Phidelphia Eagles e Seatle Seahawks (NFC)  Douglas Calabres (Defensive End do Mooca Destroyers) Torce para o Pittsburgh Steelers “Expectativa é enorme. Para o fã do esporte esse tempo que ficamos sem NFL é difícil. A gente acaba se entretendo com outros esportes ou acompanhando o FABR” Favoritos: New England Patriots, Jacksonville Jaguars e Pittsburgh Steelers (AFC), Phidelphia Eagles, Minnesota Vikings, New Orleans Saints e Los Angeles Rams (NFC)  Jonathan Salazar (Defensive Line do Mooca Destroyers) Torce para o Minessota Vikings “Esse tempo é uma tortura quem gosta e acompanha NFL, são praticamente oito meses de esperar para ver a temporada. É uma expectativa muito grande para o kick off de uma temporada” Favoritos: New England Patriots, Jacksonville Jaguars e Philadelphia Eagles (AFC), Tampa Bay Buccaneers, Atlanta Falcons e Minnesota Vikings (NFC) Especialistas dão seus pitacos Quando se fala em NFL no Brasil, os fãs logo pensam em ESPN. O canal, inclusive, vai transmitir o jogo inaugural nesta quinta. Para o comentarista da emissora, Paulo Mancha, três times começam como favoritos ao título: New England Patriots, Philadelphia Eagles e Jacksonville Jaguars. “A NFL tem uma característica que dificulta fazer previsões. É uma liga muito equilibrada. Mas os Patriots, com o quarterback Tom Brady e o técnico Bill Belichick, vão ser sempre favoritos. Eles transformam elencos medianos em vencedores”, declarou. “Destaco também o atual campeão Philadelphia Eagles. Manteve seus principais atletas e se reforçou. Não ganhou por acaso na última temporada. Foi um trabalho sério. Por último, cito o Jacksonville Jaguars. Mesmo sem um quarterback de primeira linha, o resto do time é muito bom. Eles fazem um jogo terrestre notável”, argumentou Mancha. O comentarista ainda apostou em duas equipes que podem surpreender: Los Angeles Rams e Houston Texans. “Os Rams estão com uma turma boa e fizeram um bom papel na temporada passada [foram eliminados nos playoffs pelo Atlanta Falcons]. Já os Texans tiveram azar. Perderam o quarterback e não conseguiram ir mais longe. Neste ano, podem pintar no Super Bowl”, concluiu. O narrador e apresentador Fernando Nardini concordou com Mancha em relação ao favoritismo dos Patriots e dos Eagles. “Enquanto o Tom Brady jogar, o New England Patriots sempre será postulante ao título. Não tem como. Já o Philadelphia Eagles defende o troféu. Mesmo com o quarterback reserva, terminou a última temporada com boas atuações que resultaram na conquista do campeonato".  No entanto, ao falar sobre outras equipes que podem chegar, Nardini fez outras apostas. “Abaixo dos dois times que citei como favoritos, vem uma galera: Atlanta Falcons, Pittsburgh Steelers, Seattle Seahawks e Indianapolis Colts. Como surpresa, acredito que o Cleveland Browns possa fazer uma campanha melhor nesta temporada, até porque é difícil piorar. Mas não vai muito longe. E creio também no San Francisco 49ers”, finalizou.  

Fut-Encontro reúne convidados especiais para analisar a mudança do futebol e comentar a importância daquela equipe, que tinha, entre outras estrelas, o treinador Vanderlei Luxemburgo, o “pé de anjo” Marcelinho Carioca e o "reserva-iluminado-protagonista" Dinei (Foto: Arquivo/AE)

Futebol

A celebração dos 20 anos dessa conquista é tema de mais uma edição do Fut-Encontro no Shopping Plaza Sul. Convidados especiais vão relembrar momentos marcantes e analisar as mudanças ocorridas no futebol neste período. A seleção entra em campo na próxima terça-feira, dia 4, às 19h, na praça de eventos do empreendimento (no piso térreo), com o ex-jogador Dinei, André Henning, narrador do canal Space; Chico Lang, jornalista da TV Gazeta; e Luís Paulo Rosenberg, diretor de marketing do clube. Na mediação, André Ranieri, repórter da Rádio Jovem Pan. Marcelinho Carioca, Ricardinho, Edílson, Vampeta, Gamarra, Dinei e muito mais. Todos sob a batuta de Vanderlei Luxemburgo. Futebol envolvente, técnico, dominante, goleador e com uma defesa sólida. Assim podemos descrever a equipe de 98, que entrou para a história do Corinthians com o bicampeonato brasileiro. Depois de liderar a primeira fase, os alvinegros superaram, no mata-mata, o Grêmio nas quartas de final, o Santos na semifinal e o Cruzeiro na grande decisão, sempre em três partidas. O destaque na reta final, aliás, foi o atacante reserva Dinei - campeão também em 90 pelo clube. No total daquela campanha, a equipe somou 18 vitórias, sete empates e sete derrotas, em 32 jogos.

Felipe Melo contesta a decisão do árbitro (Foto: Marcelo Machado de Melo/AE)

Futebol

O Palmeiras conseguiu nesta quinta-feira, 30, complicar uma missão que parecia fácil, ser heroico quando parecia derrotado e ter como vilão um dos jogadores mais queridos pela torcida. Entre tantos paradoxos, pelo menos a lógica prevaleceu no quesito principal e o time está classificado para as quartas de final da Copa Libertadores mesmo depois de perder para o Cerro Porteño por 1 a 0, no Allianz Parque, com nove jogadores em campo. O adversário na próxima fase será o Colo-Colo. O personagem do jogo foi Felipe Melo. Apelidado de Pitbull e clamado pela torcida, foi expulso de forma infantil logo no começo da partida e complicou as condições de jogo para o seu time. A situação confortável por ter vencido no Paraguai por 2 a 0 deu lugar a uma partida de superação, em que foi preciso contar com o apoio da torcida e apostar na defesa. O Palmeiras entrou em campo exibindo uma sequência de nove jogos seguidos sem tomar gol, uma invencibilidade na Libertadores e ainda atuava dentro de casa. Ou seja, era uma lista imensa de ingredientes favoráveis. Pois logo cedo todo esse cenário desmoronou em um só lance. Aos três minutos, o volante Felipe Melo foi fazer um passe e deixou a perna em Victor Cáceres. O árbitro argentino primeiramente deu cartão amarelo, para logo depois mudar de ideia e expulsar o jogador. A grande reclamação do Palmeiras e a incredulidade do público com a precoce baixa transformaram a partida. Confiante antes do início do jogo, o time passou a ser inseguro. A equipe alviverde recuou e a torcida alterou o comportamento, ao deixar o otimismo e a euforia para passar a comemorar desarmes e chutões. Em campo o Palmeiras passou a ter duas grandes preocupações. Uma delas era conseguir expulsar alguém do Cerro Porteño. O time alviverde reclamou muito com a arbitragem, procurou forçar cartões amarelos e teve os reservas bastante ativos no banco para tentar colocar pressão. O outro foco era o mais produtivo: os contra-ataques. A esperada noite tranquila teve outro susto no começo do segundo tempo, quando Rodrigo Rojas caiu desacordado após jogada aérea e foi levado de ambulância para o hospital. O palmeirense veria uma outra cena ainda pior logo depois. O lateral Arzamendia foi tentar cruzar, mas conseguiu surpreender Weverton e abrir o placar, aos 11 minutos. O gol fez Felipão mexer. O volante Thiago Santos entrou na vaga do atacante Borja para reforçar a marcação. A tentativa era válida, mas era difícil resolver os maiores problemas do segundo tempo. O time continuava muito nervoso e demonstrava cada vez mais cansaço por precisar correr para compensar a expulsão de Felipe Melo. Seriam longos minutos de angústia, sustos e foco na defesa. No fim Deyverson ainda seria expulso, junto com um paraguaio, e a defesa se segurou. No apito final a torcida comemorou como nunca, quem diria, uma derrota. Um paradoxo valioso para um Palmeiras que se blindou com o espírito de Libertadores para se classificar. Mesmo sufocado, Palmeiras passa das oitavas e enfrenta o Colo-Colo na próxima fase FICHA TÉCNICA PALMEIRAS 0 x 1 CERRO PORTEÑO PALMEIRAS - Weverton; Mayke, Antonio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés (Jean); Willian (Deyverson), Dudu e Borja (Thiago Santos). Técnico: Luiz Felipe Scolari CERRO PORTEÑO - Silva; Raul Cáceres, Marcos Cáceres, Escobar e Arzamendia; Victor Cáceres (Valdez), Rodrigo Rojas (Novick) e Palau; Jorge Rojas (Benítez), Ruiz e Churín. Técnico: Fernando Jubero. GOL - Arzamendia, aos 11 minutos do segundo tempo. CARTÕES AMARELOS - Churín, Jorge Rojas, Novick, Escobar, Edu Dracena, Palau. CARTÕES VERMELHOS - Felipe Melo, Deyverson, Marcos Cáceres. ÁRBITRO - German Delfino (Argentina). RENDA - R$ 2.913.369,38. PÚBLICO - 33.204 pagantes. LOCAL - Allianz Parque, em São Paulo (SP).

VEJA NOSSA EDIÇÃO VIRTUAL

Plataforma da Justiça Eleitoral garante o anonimato de denunciantes (Foto: Ivo Lindbergh)

Cidade

Desde a disponibilização do aplicativo Pardal pela Justiça Eleitoral em agosto, o sistema recebeu, no Estado de São Paulo, 953 comunicações. Desse total, 69% referem-se à propaganda eleitoral e as demais denúncias se relacionam a crimes eleitorais, uso da máquina pública, compra de votos, entre outras. As informações foram divulgadas pela Assessoria de Comunicação Social do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). Além da opção de download do Pardal para uso em dispositivos móveis, eleitores podem acessá-lo também em sua versão web no site do TRE paulista, que atua no maior colégio do País, com 33 milhões de eleitores. O sistema Pardal, ferramenta de fiscalização e denúncia, possibilita ao eleitor denunciar diferentes irregularidades durante as eleições de 2018, como propagandas eleitorais, compra de votos, uso da máquina pública, crimes eleitorais, doações e gastos de campanha. Infrações nas propagandas veiculadas em emissoras de TV e rádio e na internet não serão processadas pelo sistema. Para realizar a denúncia, o autor deve inserir elementos que indiquem a existência do fato, como vídeos, fotos ou áudios, além do nome e CPF. As denúncias são encaminhadas ao Ministério Público Eleitoral, que é uma das partes legítimas para ajuizar representações perante o TRE-SP contra supostas infrações eleitorais. Além do Pardal, o eleitor pode denunciar irregularidades no sistema de Denúncia online. Entretanto, por meio desse sistema, é possível denunciar somente propagandas de rua consideradas fixas, ou seja, veiculadas por meio de outdoors, balões, bonecos, cavaletes, pichações e de inscrições a tinta em muros e fachadas. A denúncia enviada por esse sistema é encaminhada diretamente ao juiz eleitoral que, caso constate a irregularidade, notificará o responsável para retirar a propaganda irregular no prazo de 48 horas. Se a ordem for cumprida, o procedimento será arquivado, mas se persistir a irregularidade, o expediente será encaminhado ao Ministério Público Eleitoral. O sistema recebeu, desde a sua implementação em junho, 461 denúncias.

Fala do General Mourão, vice na chapa de Bolsonaro, causou polêmica (Foto: Henrique Barreto/AE)

Opinião

Nesta semana, a polêmica da vez foi a declaração de um militar acerca dos malefícios de uma criança crescer longe da figura do pai ou do avô. De acordo com ele, jovens nesta condição ficam mais vulneráveis à criminalidade, principalmente se viverem em áreas dominadas pelo tráfico. Sinceramente, não entendi o porquê de tanta celeuma para uma afirmação tão óbvia. Ao contrário do que a grande mídia propagou por aí, a assertiva do tal general não constitui qualquer ofensa às mulheres e às mães em geral. Trata-se, apenas e tão somente, de uma constatação empírica. Crescer em uma família desestruturada (sem pai ou mãe) contribui, sim, para que o jovem venha a trilhar no mundo do crime, bastando para tanto analisar os estudos e pesquisas sobre o tema. O fato de o militar ter feito referência somente à ausência da figura masculina não significa que o contrário não seja também verdadeiro. Isso só não foi explicitado porque a grande maioria dos jovens com famílias cindidas vive na companhia da mãe e da avó, e não do pai ou do avô. E, na ausência destes últimos, surge então a necessidade de um referencial paterno, de uma figura masculina, que, infelizmente, pode vir a ser o traficante do morro, vez que dotado de autoridade, poder e dinheiro. Alguma incoerência em tal discurso? Creio que não! No ano de 2007, inclusive, um grande jornal do país divulgou um trabalho com esta mesma conclusão. No entanto, ninguém reclamou de nada. Já em 2008, foi a vez de Barack Obama dizer que crianças sem pai têm 20 vezes mais chances de acabarem na prisão. Todavia, mais uma vez o silêncio foi sepulcral. Por fim, em 2016, um estudo de minha instituição revelou não só que dois em cada três jovens infratores vêm de lares sem pai, como também que 60% deles não professam nenhuma religião. Em outras palavras, Deus e família (pai e mãe) são sim inibidores do crime, não havendo como se negar o óbvio. Na realidade, o problema não foi o conteúdo do que foi dito, mas sim por quem foi dito. E isso já bastou para se dar início a um verdadeiro assassinato de reputações. Lamentável! Hoje em dia, creio que tão ou mais grave que a corrupção material e financeira, é a corrupção espiritual, intelectual e de personalidade de alguns. Definitivamente, o maior problema do Brasil é a corrupção da inteligência! Rodrigo Merli Antunes é Promotor de Justiça do Tribunal do Júri de Guarulhos e pós-graduado em Direito Processual Penal*

157 candidatos já foram barrados pela Justiça com base na Ficha Limpa, incluindo Lula (Foto: Ricardo Stuckert/Fotos Públicas)

Opinião

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não é o único barrado pela Lei da Ficha Limpa para as eleições deste ano. Até agora, foram 157 candidatos impedidos de prosseguirem na disputa com base em dados ainda parciais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O número representa 6% de todas as 2.599 candidaturas rejeitadas pela Justiça Federal. Restam 27.402 consideradas aptas, entre presidenciáveis, governadores, senadores e deputados federais e estaduais. Em 2014, foram 250 nomes tirados da lista, cerca de 60% a mais do que neste pleito. Ainda assim, não conseguiu barrar Paulo Maluf como deputado federal, que, em 2013, fora condenado em segunda instância por improbidade administrativa. Já se vão mais de oito anos desde que a Lei Complementar 135/10, mais conhecida como Ficha Limpa, entrou em vigor, em 4 de junho de 2010. Passou a valer já nas eleições de 2012, proibindo candidaturas de condenados em segunda instância e sentenciando a oito anos de inelegibilidades aqueles que renunciassem ao cargo para evitar processo de cassação. O texto, que revolucionou a história eleitoral brasileira, é de uma clareza singular, embora ainda não falte quem ouse questioná-lo. Mas esta lei segue viva e atual, cumprindo o seu papel de depuração e ajudando a separar o joio do trigo. Pode até parecer pouco que apenas 6% do total de candidatos seja retido. Mas, sem a Lei da Ficha Limpa, o número de fichas sujas seria certamente bem maior. Cientes das restrições legais, os próprios partidos já fazem sua triagem, impedindo inscrições daqueles que seriam enquadrados pela legislação. Assim, a lei de iniciativa popular, nascida a partir da assinatura de mais de 1,6 milhão de cidadãos, vai mostrando sua importância no processo eleitoral. Seus efeitos são limitados no que diz respeito aos resultados finais, mas é um sopro de esperança para que os eleitores tenham opções de mais qualidade na disputa.

Candidato do PT foi atacado em debate da TV Aparecida (Foto: Reprodução/TV Aparecida)

Nacional

Com a ausência de Jair Bolsonaro (PSL), o candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, foi o alvo principal dos adversários durante o debate realizado na noite desta quinta-feira, 20, pela TV Aparecida, na cidade do interior paulista. Estreante num encontro entre os presidenciáveis, Haddad foi questionado sobre denúncias de corrupção envolvendo petistas e a crise econômica originada no governo da presidente cassada Dilma Rousseff. Haddad assumiu a candidatura presidencial do PT somente no dia 11 deste mês, em substituição a Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso na Lava Jato e barrado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Conforme as mais recentes pesquisas, ele está em segundo lugar nas intenções de voto, atrás do líder Bolsonaro - o candidato do PSL permanece internado se recuperando de uma facada. O debate desta quinta-feira foi promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) no Santuário Nacional de Aparecida. O Ibope, em sua mais recente pesquisa, mediu as intenções de voto entre os católicos. Jair Bolsonaro lidera e, no dia 18, tinha 25%. Fernando Haddad estava com 21%, mas tinha 9% na pesquisa anterior. A transferência dos votos do ex-presidente Lula lhe deu 12 pontos entre os católicos. Ciro Gomes oscilou para cima, com 13% do eleitorado desta religião. 
Ainda não possui um cadastro? Registre-se

ou

Articulistas

Colunistas

Fala do General Mourão, vice na chapa de Bolsonaro, causou polêmica (Foto: Henrique Barreto/AE)

Opinião

157 candidatos já foram barrados pela Justiça com base na Ficha Limpa, incluindo Lula (Foto: Ricardo Stuckert/Fotos Públicas)

Opinião

Luiza Trajano, do Magazine Luiza, é uma das maiores representantes do empoderamento feminino no Brasil (Foto: Reprodução/Instagram)

Opinião

Mesmo no hospital, presidenciável mantém declarações em tom de campanha (Foto: Reprodução/Twitter)

Opinião