18.9 C
São Paulo
terça-feira, maio 28, 2024

Alexandre de Moraes tem mandante de crime preso

A Polícia Federal (PF) barrou mensagens que um senador da República enfatizou atuar para prender o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). A conversa de WhatsApp foi encontrado no celular de Marcos do Val e diz respeito ao período de fevereiro deste ano, segundo o portal Metrópoles.

Nesse sentido, o aparelho foi apreendido no âmbito do inquérito do STF que analisa o suposto planejamento de golpe de Estado sob posse do senador Marcos do Val, de Bolsonaro e do ex-deputado Daniel Silveira. Com base nas mensagens encontradas no telefone interceptado que investigadores da PF pediram a prisão de Do Val a Alexandre de Moraes, em junho deste ano.

No dia 2 de fevereiro, uma pessoa, chamada de “Elmo”, enviou uma mensagem a Do Val às 11h24: “O que precisar de nós é só falar. Se precisar estar aí com vc, é só falar. Tamo junto na alegria e na tristeza”.

O senador, em seguida, respondeu: “Estou há dois anos trabalhando para prender Alexandre de Moraes”. Posteriormente, Elmo encerra: “Batalha dura”. Conforme a publicação, o interlocutor seria irmão de Do Val.

LEIA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS