19.5 C
São Paulo
sexta-feira, maio 24, 2024

Pai e filho são presos por vender dados de autoridades

Pai e filho foram identificados e presos pela Polícia Federal (PF), no último dia 1°, na Operação I-Fraude. A missão investiga a invasão de sistemas federais e o compartilhamento de dados de autoridades e pessoas públicas. Os dois estavam na casa deles, na cidade de Vinhedo, em São Paulo.

No mesmo local, agentes cumpriram mandados de busca e apreensão. Já no período da tarde, a prisão foi confirmada pela Justiça Federal de Campinas no decorrer de uma audiência de custódia. Uma das vítimas foi o ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), conforme informações divulgadas pelo portal g1.

Pelo menos R$ 10 milhões teriam sido faturados com o esquema criminosos, de 2010 a 2025. Com isso, foi determinado o bloqueio de aproximadamente R$ 4 milhões das contas dos investigados. Acima de tudo, as penas para o crime de invasão de dispositivo informático, lavagem de bens ou valores e organização criminosa podem chegar a 23 anos de reclusão.

LEIA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS