26.6 C
São Paulo
domingo, fevereiro 25, 2024

Conheça um dos projetos de NFT mais promissores do ano

Atualmente o mercado de Tokens Não Fungíveis (NFT) de esporte, e até mesmo de outros segmentos no geral, está nichado a um cerco que coloca Exchanges e Desenvolvedoras como a produtora máxima de itens colecionáveis em suas plataformas. Poucas, ou nenhuma, são aquelas que dão espaço para obras de fato de fãs, como acontece às vezes em galerias de arte na vida real.

Tendo isso em vista, foi criada a iniciativa Shirtum, projetada para que fãs e entusiastas de variados esportes compartilhem e interajam com seus jogadores, clubes e instituições esportivas do coração, por meio da coleta de NFTs num espaço virtual.

Com o lema de unir a paixão dos fãs com a criatividade do mercado NFT,o Shirtum dará a oportunidade aos usuários de encher a plataforma com ativos digitais, que podem ser negociados entre si, criando um sistema próprio de Marketplace e mercantilização.

Os conteúdos de esportes, times e atletas em específico, virá a partir de um mecanismo de parceria com a Shirtum onde os mesmos poderão compartilhar histórias, desafios da vida e destaques de carreira, visando criar experiências para que os fãs Transformes em arte digital e valiosa.

Essa ação também tem como objetivo não apenas trazer uma experiência nova e imersiva para o usuário, mas também, agregar valor históricos e novos capítulos de carreira para o parceiro, seja ele pessoa física, um time, ou instituição.

App de NFTs de esporte estará disponível para Mobile

Diferente da grande maioria das plataformas e marketplaces de NFTs, o Shirtum era equipado, e terá também suas ações majoritárias em um aplicativo para dispositivos móveis, o Shirtum Mobile.

Nesse app, será possível que os usuários registrados construam suas próprias “galerias de arte” digitais, onde podem exibir seus NFTs e conteúdos digitais exclusivos do seus ídolos.

Os conteúdos gerados pelos usuários passariam por um processo de tokenização, sendo disponibilizados no mercado próprio, onde proprietários de criptomoedas e moedas fiduciárias poderiam dar lances em um leilão ou negociar, enquanto incentivam a história do esporte e também aprendem mais sobre não só a atividade, mas também, sobre finanças digitais.

No entanto, mesmo que as coleções de tokens não fungíveis possam ser compradas diretamente de outros usuários, existiram mercados exclusivos da Shirtum que darão vários benefícios especiais que só “produtores” com uma espécie de sistema de assinatura terão.

Dentro desse mercado estarão disponíveis benefícios como, possibilidade de conhecer e interagir diretamente com ídolos e clubes; Drops de NFTs Gratuitas; Acesso a um canal privado do Discord; E por fim, acesso a uma Fan Zone dentro de um ambiente no Metaverso, que ainda está em desenvolvimento.

A data de lançamento ainda não foi divulgada, nem em qual fase do processo de desenvolvimento que o projeto se encontra. No entanto, existem especulações na mídia americana de um lançamento fechado para o 4° semestre do ano, que já está por vir.

A Shirtum é mais um projeto que surge como uma espécie de “unicórnio” no cenário, apresentando uma ideia inovadora e que novamente, como vem sendo em outros novos projetos, um sistema que visa acima de tudo, beneficiar os fãs e tratar os NFTs não só como ativo de lucro, mas também, como uma possibilidade de experiência única IRL (na vida real).

LEIA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS