Inadmissível, ato só fortaleceu ainda mais discurso de Lula (Foto: Daniel Teixeira/AE)

Opinião

Tudo que o Brasil não precisa nesta Semana Santa é fazer do ex-presidente Lula um “cordeiro imolado”. Mas, ações como os tiros que atingiram dois ônibus de sua caravana, entre os municípios paranaenses de Quedas do Iguaçu e Laranjeiras do Sul, servem para reforçar seu discurso de vítima e perseguido político, que tanto lhe apetece.

Aliás, não fosse a ruidosa reação de opositores no Rio Grande do Sul e no Paraná, pouco haveria de ser dito sobre a tentativa do petista de viajar pelo País, em uma missão inócua, buscando apoio popular e a reversão do desgaste de sua imagem junto à população.

Mas tiros, como disse nesta quarta-feira o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, “é inadmissível numa democracia”. Seja lá de onde vieram, seja a serviço de quem estavam os atiradores, dá para dizer que a ação só favoreceu a uma pessoa: ao próprio Lula.

Dos rincões do Paraná, o estampido foi ouvido fora do País, a partir da imprensa internacional que deu grande espaço ao acontecido, como visto no The Guardian (Reino Unido), New York Times (Estados Unidos), El País (Espanha) e Clarín (Argentina).

A melhor arma contra as múltiplas interpretações que surgem de todos os lados é a veracidade. Em busca disso, duas equipes do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), grupo de elite da Polícia Civil do Estado do Paraná, foram enviadas ao local para reforçar as investigações sobre o caso. Enquanto ela não vem, cria-se um amplo campo para a guerra de versões e acusações, na qual o que menos importa é a autenticidade dos fatos.

Certo é que o mistério em torno dos tiros do Paraná só serve para elevar o nível de ódio entre grupos opostos. E relativizar o ocorrido ou insinuar culpados sem qualquer prova só contribui com esta escalada da intolerância. Neste momento, o País não precisa de mais violência ou mais um cadáver político. Apenas que a verdade venha à tona, independentemente de quem ela possa favorecer. E, dizem que, com o tempo, ela sempre aparece, por mais que busquem profaná-la.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

VEJA NOSSA EDIÇÃO DO DIA

Infantino afirmou que a Copa foi a melhor de todas por causa da arbitragem (Foto: Kin Saito/ CBF)

Copa 2018

França conquistou seu segundo título mundial em 20 anos (Foto: Reprodução/Instagram)

Copa 2018

Presidente da Fifa se esquivou de perguntas políticas (Foto: Fotos Públicas)

Copa 2018

Jogador admite que na Eurocopa havia um clima de "já ganhou" (Foto: Reprodução/Facebook)

Copa 2018
Ainda não possui um cadastro? Registre-se

ou

Articulistas

Colunistas

Jardim Botânico de Curitiba é um dos mais famosos do Brasil (Foto: Daniel Castellano/SMCS/Fotos Públicas)

Opinião

Ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles não está bem nas pesquisas, mas ele se mantém otimista (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABR)

Opinião

Pessoas geralmente esperam que o caixa seja apenas ágil, mas, às vezes, ele pode te surpreender (Foto: Tânia Rêgo/ABR/Fotos Públicas)

Opinião

Próximo presidente brasileiro deve seguir exemplo de Amlo (Foto: Reprodução/Facebook)

Opinião