16
Sex, Nov

Novelas

Segunda, 18/06

Dona Branca pergunta para Waldisney quais são as intenções dele com Nanci. João aprende sozinho a tocar outras músicas. Luísa fica encantada com uma fotografia feita por Marcelo de quando namoravam. Filipa coloca gelo nas costas de Poliana sem que ela perceba. Poliana pula e acaba empurrando Débora, que cai em cima de uma obra de arte.

Terça, 19/06

Raquel diz que sabe que o perfil na rede social misterioso é de Guilherme. O rapaz acaba confessando. João espia Poliana na aula de música. A menina desafina no vocalize. Guilherme sai com Raquel até uma cafeteria e canta para ela uma das canções de Cartola. Filipa sugere para que Poliana pegue as joias de Luísa para ela usar na peça, atividade da escola.

Quarta, 20/06

Raquel chega na padaria com casaco de Guilherme, que lhe acompanha. Durval fica irritado e manda a filha para casa após dizer para ela ficar afastada do garoto. Filipa estoura um colar de Luísa e vai embora com Yasmim. Luísa chama a atenção de Poliana após descobrir o que aconteceu. Yasmim é assaltada na rua e fica assustada.

Quinta, 21/06

Luísa lembra de um reencontro que teve com Marcelo há alguns anos, aonde acabaram ficando antes dele retornar para a Europa. Kessya revela para Poliana e Luigi que Gleyce é sua mãe. Poliana e as colegas terminam de se arrumar para apresentarem a peça sobre o antigo Egito. Guilherme tenta fazer Raquel e Mirela fazerem as pazes, mas piora a situação.

Sexta, 22/06

Salvador faz um molde do nariz de Verônica. Éric e Hugo trancam Luigi em uma sala. Filipa diz para Yasmin que irá se vingar de Kessya. Lorena invade a casa de Sr. Pendleton. O cachorro Feijão é visto na escola, de onde é retirado. Kessya tenta ensinar Poliana a aprender dançar como ela. Gleyce devolve para Arlete o dinheiro que Ciro havia pego emprestado com Lindomar.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

23/7, segunda 

Lindomar discute com Arlete e decide passar a noite fora, na casa de Ciro. O gato que passa a noite no quarto de Antônio escapa pela janela. Arlete surta ao ver Lindomar sair da casa de Ciro com Gleyce. Luísa manda Lindomar sumir com o gato que apareceu dentro de casa. João veste o uniforme para andar na escola escondido. Gabi vê o garoto que desconversa.

 

24/7, terça 

Débora tenta encerrar as apresentações antes de Poliana, que insiste e se apresenta. Poliana começa com balé, mas termina dançando rock de forma um pouco desengonçada. Débora anuncia que Yasmin e Filipa são as vencedoras, mas todos gritam que querem Kessya. Débora reconsidera e diz que como combinado era a decisão dos presentes, Kessya é a vencedora.

 

25/7, quarta

Poliana e João lembram do passado no Nordeste. Poliana fica feliz ao reencontrar o gato limpo. Luísa diz que a menina poderá ficar o gato, Chuvisco, desde que cuide dele junto com Nanci e Antônio. Claudia diz que a filha precisa parar de mentir, pois está indo longe demais. Durval vai se encontrar com uma mulher do aplicativo e descobre ser Claudia.

 

26/7, quinta 

Roger descobre que Claudia nunca foi parente de Sr. Pendleton. Marcelo diz para Débora que sonha em ser pai, mas Débora diz que ficar marcada devido a gravidez e envelhecer 10 anos em um não é seu objetivo. Otávio ofende e humilha Claudia quando estão a sós antes de mandar ela pegar a bolsa barata dela e sumir. Luisa descobre que a casa de carnes está fechada por luto.

 

27/7, sexta 

Joana descobre que Claudia foi mandada embora. Na comunidade, Poliana e João fogem dos meninos perigosos. Glória se reúne com Débora e Luísa para decidirem os detalhes da festa de 50 anos da escola. Roger conta para Filipa que Yasmin mentiu e não é neta de Sr. Pendleton e precisa rever a amizade de pessoas mentirosas.

 

16/7, segunda

Filipa e Yasmin brigam com Éric e dizem que ele não deveria ter assumido seu lugar no debate da chapa. Marcelo vê Afonso sendo mulherengo e se incomoda. Kessya e Luigi ensinam para Poliana o que é rede social e como utilizar a ferramenta. Gael, Mário e Benício decidem que Lorena está se interferindo demais no clube e por isso deve ser expulsa.

 

17/7, terça

Helô anuncia que a chapa de Gabi é mais uma vez eleita. Roger humilha Claudia por ela não fazer uma planilha do jeito que ele gosta e chega a chamar ela de burra. Débora avisa que os alunos devem preparar uma coreografia para a festa de 50 anos da escola. Poliana leva Lorena até a casa de Luísa para animar a menina. Guilherme é atropelado por um carro.

 

18/7, quarta 

Sr. Pendleton descobre a câmera que os meninos colocaram em seu cachorro e quebra o equipamento. Iuri começa a espionar Sophie por desconfiar que ela não tem um noivo. Gleyce discute com Ciro por ele não ter pago a conta de luz, que é cortada. Luísa, Claudia e Joana se deparam com Marcelo e Iuri em um restaurante e acabam sentando todos juntos.

 

19/7, quinta 

Luísa lembra de quando Marcelo terminou o namoro com ela no passado por um desentendimento deles, uma armação de Débora. Éric e Hugo mostram seu projeto contra o bullying com a ajuda de Helô. Luísa recebe flores com um convite de Afonso e resolve enviar uma mensagem dizendo que aceita sair com ele. Afonso conta a novidade para Durval.

 

20/7, sexta

Iuri pergunta o motivo de Sophie mentir para ele. João consegue andar pelos corredores da escola por estar vestido de uniforme. Poliana presenteia Lorena com um gato. Durval não aceita que Lorena fique com o gato e Poliana decide levar o animal para casa. Vini e Jeferson convidam Guilherme para voltar ao grupo de samba e ele aceita.

 

Terça, 10/7

Guilherme toca violão e canta com Raquel. Mirela escuta e vai falar com os dois e revela que criaram um perfil na rede social que chama "Branca Bolada". Raquel e Mirela tentam fazer Jeferson e Vini repensar a decisão de tirar Guilherme do grupo. Afonso diz para Poliana que está apaixonado por Luísa e pede para a menina ajudá-lo.

 

Quarta, 11/7

Joana vai até a escola falar com Helô sobre os meninos que estão perseguindo Luigi, mas não percebe que esses meninos são Éric e Hugo. Guilherme descobre que foi Brenda quem fez a página falsa de "Branca Bolada" e faz a garota apagar a página. Luigi e Poliana ajudam Gabi a gravar o programa de eleição da sua chapa. Débora tenta desmotivar Kessya na escola.

 

Quinta, 12/7

Raquel manda Brenda deletar a página e diz que está fora da chapa dela. João faz uma produção com ajuda de Poliana para que as crianças acreditem que é um fantasma na sala de teatro. Poliana tira foto de Luísa para o trabalho da escola. Guilherme tira uma foto de Raquel para o trabalho de Marcelo. Claudia e Durval dão “like” no aplicativo de namoro que os dois estão.

 

Sexta, 13/7

Luísa leva Poliana para a escola. Elas descobrem que Hugo é sobrinho de Afonso. Poliana vai conversar com a diretora Ruth, que diz que não pode abrigar João na escola. João e Poliana conseguem impedir que Gabi caia na armadilha do balde de tinta. O mesmo cai sob a cabeça de Filipa, que grita. Salvador vê o novo nariz de Verônica e fica chocado.

Segunda, 02/07

Mário, Gael e Benício decidem aceitar Lorena no clube deles. Durval diz para João que ele não precisa mais trabalhar na padaria, mas sempre que estiver com fome pode ir até lá. Claudia leva Yasmin até a casa de Luísa para pedir desculpa e devolver o celular de Poliana. Filipa tenta humilhar Kessya e expulsar ela do local onde está na aula de dança.

 

Terça, 03/07

Mário, Gael e Benício caçam o fantasma na escola com ajuda de Poliana e Lorena. João resolve assustar os cinco que pensam que ele é um fantasma. Jeferson tira uma foto de Dona Branca para fazer um perfil dela na internet no FriendBook. Luísa descobre que Poliana conversa com Lorena e Raquel na escola, mas sem saber que são primas.

 

Quarta, 04/07

Nanci diz para Waldisney que sabe que ele mora na comunidade e não se importa com isso. Luísa diz para Poliana que vai mudar ela de escola. A menina chora. Brenda cria uma chapa para o grêmio estudantil com Mirela como vice. Poliana chora ao falar com Marcelo sobre Luísa querer tirá-la da escola. Filipa também lança uma chapa. 

 

Quinta, 05/07

Mário, Gael e Benício deixam uma câmera ligada na escola para tentar filma o fantasma. Ruth chama Filipa até a diretoria, conversa com ela e faz uma carta de reclamação que ela deve trazer assinada pelos pais. Raquel diz que Mirela é interesseira e a expulsa de sua casa. Luísa diz para Poliana que não vai mais tirar ela da escola. Poliana e seus amigos comemoram.

 

Sexta, 06/07

Poliana ajuda João a escrever uma carta para a mãe, Josefa. Joana diz para Claudia que ela e Durval terão um encontro sim. Durval leva os filhos de Claudia e Joana para que Raquel cuide. Guilherme avisa Jeferson e Vinicius que não poderá ir ao show, pois aconteceu um problema com a mãe. Mirela canta sozinha, como grande novidade.

 

Segunda, 25/06

Luísa presenteia Poliana com um celular para que possam se comunicar com mais facilidades. Claudia presenteia Yasmin com um celular, mas a menina despreza o aparelho por achar que ele não é moderno. Yasmin vê o celular de Poliana e diz que é de última geração. A garota então convence Poliana a trocar com o aparelho dela.

Terça, 26/06

Filipa derruba a bolsa de Kessya com os pães de mel que a garota estava vendendo. Filipa ainda pisa em cima dos doces. Poliana intervém e diz que não é correto o que ela fez. João chega em seu esconderijo e descobre que Feijão está lá. Ruth fala com Kessya e Gleyce para não venderem mais os doces na escola. Yasmin e Filipa descobrem que Kessya é filha da faxineira da escola.

Quarta, 27/06

Poliana pergunta para Durval se ele não quer revender os pães de mel de Kessya na padaria. A menina convence Durval a fazer ao menos um período de experiência com os doces feitos por Gleyce. Verônica entra na reunião do comitê usando o nome de Luísa, é desmascarada por Glória e expulsa. Luísa pede para sair do Laço Azul.

Quinta, 28/06
Glória surpreende a todos e anuncia que Luísa acaba de ser promovida como membro honorária do comitê. Verônica diz para Roger que desistiu de fazer a nova cirurgia plástica no nariz. Lorena entra no cemitério a pedido dos meninos para fazer parte do clube. Acaba se assustando com Mário, Gael e Benício fantasiados de zumbis.

Sexta, 29/06

Os alunos assistem um filme sobre bullying com objetivo de conscientizar as crianças. Filipa e Yasmin jogam lixo pela escola para prejudicar Gleyce. Luísa descobre que Poliana está com outro celular. A menina revela que uma menina da escola se ofereceu para trocarem o aparelho por ser mais fácil. Luísa manda Poliana desfazer a troca do celular.

Segunda, 11/06

Afonso insiste que Durval deveria arrumar uma namorada. João conta para Antônio e Poliana que sente saudade da mãe, JosefaVinicius dança com Mirela para tentar chamar a atenção de Guilherme. Raquel fica sozinha, só observando. Guilherme precisa ir embora e apresenta Jeferson para Brenda, que desdenha do rapaz. Marcelo se depara com Luísa na rua.

 

Terça, 12/06

Roger contrata um segurança, Celso, para acompanhar Guilherme aonde quer que ele vá. Poliana acorda toda picada e Luísa decide que a pequena não pode continuar a dormir no mesmo quarto. Feijão é roubado por um dos meninos da comunidade e deixa João preocupado. Marcelo conta para Débora que quer saber de onde surgiu o falso boato de que havia sido traído por Luísa.

 

Quarta, 13/06

Poliana canta a música Jogo do Contente em seu quarto todo decorado. Luísa espia a sobrinha e fica satisfeita com a alegria da menina. João é chantageado a conseguir dinheiro em troca do seu cachorro Feijão. Poliana encontra a caixinha do tesouro em seu quarto e diz para Luísa que perdeu a chave da caixa. João consegue resgatar Feijão.

 

Quinta, 14/06

João começa a trabalhar na padaria Ora Pães Pães. Glória vai até a casa de Luísa para insistir que ela vá até a exposição das fotografias de Marcelo na galeria. Na escola, Marcelo flagra Luigi sofrendo bullying de Éric e Hugo. Os dois são levados para a coordenação. Filipa e Yasmin encontram a chave de Poliana e fogem com a mesma.

 

Sexta, 15/06

Luísa diz que não ficará e dá para Poliana os dois pingentes. Poliana vai com a tia para o evento das fotografias de Marcelo Dona Branca pergunta para Waldisney quais são as intenções dele com Nanci. João aprende sozinho a tocar outras músicas. Luísa fica encantada com uma fotografia feita por Marcelo de quando namoravam.

VEJA NOSSA EDIÇÃO VIRTUAL

Presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou a decisão pelo Twitter (Foto: Divulgação)

Mundo

O presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou há pouco a indicação do embaixador Ernesto Fraga Araújo para o cargo de ministro das Relações Exteriores de seu governo. Diplomata há 29 anos, Araújo é diretor do Departamento de Estados Unidos, Canadá e Assuntos Interamericanos do Itamaraty. Bolsonaro anunciou a indicação por meio de sua conta no Twitter. “A política externa brasileira deve ser parte do momento de regeneração que o Brasil vive hoje”, escreveu o presidente eleito, classificando o diplomata como um “um brilhante intelectual.” Com o novo anúncio, sobe para oito os nomes confirmados para a equipe ministerial do governo eleito. Alguns escolhidos atuam diretamente no governo de transição. Nas declarações públicas, Bolsonaro avisou que pretende reduzir de 29 para de 15 a 17 o número de ministérios, extinguindo pastas e fundindo outras. A política externa brasileira deve ser parte do momento de regeneração que o Brasil vive hoje. Informo a todos a indicação do Embaixador Ernesto Araújo, diplomata há 29 anos e um brilhante intelectual, ao cargo de Ministro das Relações Exteriores. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018

"Atualmente, Cuba fica com a maior parte do salário dos médicos cubanos e restringe a liberdade desses profissionais e de seus familiares", disse o presidente eleito (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Saúde

O governo cubano informou nesta quarta-feira, 14, que está se retirando do programa social Mais Médicos do Brasil após declarações "ameaçadores e depreciativas" do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que anunciou mudanças "inaceitáveis" no projeto do governo. O convênio com o governo cubano é feito entre Brasil e a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). "Diante desta realidade lamentável, o Ministério da Saúde Pública (Minasp) de Cuba tomou a decisão de não continuar participando do programa Mais Médicos e assim comunicou a diretora da Organização Panamericana da Saúde (OPS) e aos líderes políticos brasileiros que fundaram e defenderam esta iniciativa", anunciou a entidade em um comunicado. Cuba tomou a decisão de solicitar o retorno dos mais de 11 mil médicos cubanos que trabalham hoje no Brasil depois que Bolsonaro questionou a preparação dos especialistas e condicionou a permanência no programa "à revalidação do diploma", além de ter imposto "como via única a contratação individual". O programa Mais Médicos tem 18.240 vagas em 4.058 municípios, cobrindo 73% das cidades brasileiras. Quando são abertos chamamentos de médicos para o programa, a seleção segue uma ordem de preferência: médicos com registro no Brasil (formados em território nacional ou no exterior, com revalidação do diploma no País); médicos brasileiros formados no exterior; e médicos estrangeiros formados fora do Brasil. Após as primeiras chamadas, caso sobrem vagas, os médicos cubanos são convocados. "Não é aceitável que se questione a dignidade, o profissionalismo e o altruísmo dos colaboradores cubanos que, com o apoio de suas famílias, presta serviços atualmente em 67 países", declarou o governo. "As mudanças anunciadas impõem condições inaceitáveis e violam as garantias acordadas desde o início do programa, que foram ratificados em 2016 com a renegociação da cooperação entre a Organização Pan-Americana da Saúde e o Ministério da Saúde do Brasil e de Cooperação entre a Organização Pan-Americana da Saúde e o Ministério da Saúde Pública de Cuba. Essas condições inadmissíveis impossibilitam a manutenção da presença de profissionais cubanos no Programa", informou em nota o Ministério da Saúde. De acordo com o governo cubano, em cinco anos de trabalho no programa brasileiro, cerca de 20 mil médicos atenderam a 113.539 milhões de pacientes em mais de 3,6 mil municípios. "Mais de 700 municípios tiveram um médico pela primeira vez na história", disse o governo. Segundo o governo de Cuba, mais de 20 mil médicos cubanos passaram pelo Brasil e chegaram a compor 80% do contingente do Mais Médicos, criado no governo Dilma Rousseff. Cuba anunciou que manteria o programa depois do impeachment da ex-presidente petista, apesar de considerar o afastamento um "golpe de Estado". Bolsonaro critica Cuba O presidente eleito Jair Bolsonaro usou as redes sociais para criticar a decisão do governo cubano.  Condicionamos à continuidade do programa Mais Médicos a aplicação de teste de capacidade, salário integral aos profissionais cubanos, hoje maior parte destinados à ditadura, e a liberdade para trazerem suas famílias. Infelizmente, Cuba não aceitou. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018 Além de explorar seus cidadãos ao não pagar integralmente os salários dos profissionais, a ditadura cubana demonstra grande irresponsabilidade ao desconsiderar os impactos negativos na vida e na saúde dos brasileiros e na integridade dos cubanos. — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018 Atualmente, Cuba fica com a maior parte do salário dos médicos cubanos e restringe a liberdade desses profissionais e de seus familiares. Eles estão se retirando do Mais Médicos por não aceitarem rever esta situação absurda que viola direitos humanos. Lamentável! — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 14 de novembro de 2018

e temos na Bolívia um presidente índio, por que aqui o índio tem que ficar confinado numa reserva?", questionou Bolsonaro (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Nacional

O presidente eleito da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta quarta-feira, 14, que quer preservar o meio ambiente, mas "não dessa forma que está aí". Ele culpou políticas ambientais e indigenistas pelo atraso de algumas regiões do País e disse que "o índio quer ser o que nós somos". Bolsonaro citou como exemplo a situação de Roraima, que disse ter potencial para ser "o Estado mais rico do Brasil". "Se não tivesse problemas ambientais e indigenistas, tinha tudo para ser Estado mais rico do Brasil. Esse é um problema que temos que resolver. O índio quer ser o que nós somos, o índio quer o que nós queremos. Se temos na Bolívia um presidente índio, por que aqui o índio tem que ficar confinado numa reserva?", declarou Bolsonaro . Durante reunião com governadores, em Brasília, Bolsonaro contou que está na iminência de anunciar o nome do seu ministro do Meio Ambiente e afirmou que "não será o que dizem". Lembrou, ainda, que desistiu de fundir a pasta com a Agricultura por orientações do setor produtivo.

Doria é um dos governadores eleitos que já declararam apoio a Bolsonaro (Foto: Reprodução/Twitter)

Opinião

A solução dos problemas começa com um diálogo franco e aberto. Daí ser louvável a reunião agendada para hoje, em Brasília, entre o presidente eleito Jair Bolsonaro e os 27 novos governadores do País. Todos eles têm um grande desafio pela frente, mas, evidentemente, se trabalharem em parceria, e não boicotando o que pode ser bom para o Brasil, haverá grande chance de que os remédios necessários sejam encontrados e o trabalho seja bem feito. Os futuros chefes do Executivo estadual têm muito a contribuir com o presidente eleito. E, politicamente, também têm muito a ganhar, quando o projeto deste novo Brasil der certo. Percebe-se que, aos poucos, as nuvens negras de uma campanha desgastante vão se dissipando, a razão começa a prevalecer e, ao invés de torcer contra, é cada vez maior o número daqueles que preferem alimentar a esperança que a descrença. Aliás, uma célebre frase do escritor latino Públio Siro, diz que “quem perdeu a confiança não tem mais o que perder.” A hora não é para isso. Na verdade, o momento pede que se dê crédito aos novos condutores da Nação e que se guardem as pedras previamente preparadas para serem jogadas na vidraça. E muitos dos novos governadores estão dispostos a ajudar Bolsonaro, inclusive na aprovação da reforma da Previdência, essencial para o ajuste das contas públicas do País. Por sua vez, a maioria das Unidades da Federação também está com suas contas no vermelho, por gastarem mais do que arrecadam, e esperam suporte da União para manter a máquina funcionando. Relatório do Tesouro Nacional, por exemplo, apontou que 16 Estados mais o DF descumpriram a Lei de Responsabilidade Fiscal no ano passado, ao destinar mais de 60% da receita para o pagamento de salários e aposentadorias. Assim, sobra cada vez menos para serviços básicos, como segurança e educação. Os problemas são complexos, daí a necessidade do diálogo e da busca por novas perspectivas. E a reunião de hoje em Brasília, com Bolsonaro e os governadores, oferece exatamente esta oportunidade. Desde agora, a capacidade de cada um deles estará colocada à prova, mas já começam bem, buscando o apoio e o entendimento mútuo, ao invés da divisão pura e simples. No final, quem ganha mesmo com isso é o Brasil e os brasileiros. Ainda bem!
or
or

Sucesso do agronegócio é fundamental para a economia brasileira e a geração de empregos (Foto: Antonio Costa/Fotos Públicas)

Opinião

Doria é um dos governadores eleitos que já declararam apoio a Bolsonaro (Foto: Reprodução/Twitter)

Opinião

Tentaram boicotar até um programa que visa a ajudar crianças com deficiência física, o Teleton, apenas por que Sílvio Santos agradeceu e enalteceu o presidente eleito (Foto: Reprodução/SBT)

Opinião

O uso de bicicletas reduz problemas na Mobilidade e na Saúde, como a diminuição da poluição (Foto: Rovena Rosa/Ag Brasil/Fotos Públicas)

Opinião

Sao Paulo Brazil Nublado, 19 °C
Condições atuais
Nascer do sol: 6:13 am   |   Pôr do sol: 7:29 pm
95%     17.7 km/h     30.983 atm
Previsão
SEX Baixa: 16 °C Alta: 22 °C
SáB Baixa: 14 °C Alta: 26 °C
DOM Baixa: 18 °C Alta: 30 °C
SEG Baixa: 15 °C Alta: 21 °C
TER Baixa: 13 °C Alta: 18 °C
QUA Baixa: 16 °C Alta: 21 °C
QUI Baixa: 17 °C Alta: 22 °C
SEX Baixa: 16 °C Alta: 23 °C
SáB Baixa: 17 °C Alta: 23 °C
DOM Baixa: 17 °C Alta: 22 °C
Guarulhos Brazil Nublado, 18 °C
Condições atuais
Nascer do sol: 6:13 am   |   Pôr do sol: 7:29 pm
95%     14.5 km/h     30.849 atm
Previsão
SEX Baixa: 16 °C Alta: 22 °C
SáB Baixa: 13 °C Alta: 26 °C
DOM Baixa: 17 °C Alta: 29 °C
SEG Baixa: 14 °C Alta: 21 °C
TER Baixa: 13 °C Alta: 19 °C
QUA Baixa: 16 °C Alta: 20 °C
QUI Baixa: 17 °C Alta: 22 °C
SEX Baixa: 15 °C Alta: 23 °C
SáB Baixa: 17 °C Alta: 23 °C
DOM Baixa: 17 °C Alta: 22 °C
Osasco Brazil Nublado, 18 °C
Condições atuais
Nascer do sol: 6:14 am   |   Pôr do sol: 7:30 pm
95%     20.9 km/h     30.949 atm
Previsão
SEX Baixa: 16 °C Alta: 23 °C
SáB Baixa: 15 °C Alta: 26 °C
DOM Baixa: 17 °C Alta: 30 °C
SEG Baixa: 15 °C Alta: 22 °C
TER Baixa: 13 °C Alta: 18 °C
QUA Baixa: 16 °C Alta: 20 °C
QUI Baixa: 17 °C Alta: 22 °C
SEX Baixa: 16 °C Alta: 23 °C
SáB Baixa: 16 °C Alta: 23 °C
DOM Baixa: 17 °C Alta: 22 °C