Seleção não mostrou um futebol vistoso, mas Romário fez a diferença (Foto: Divulgação/CBF)

Copa 2018
Tipografia

Vinte e quatro anos depois do tricampeonato mundial, a Seleção Brasileira chegou com uma postura diferente na Copa do Mundo de 1994. O técnico era Carlos Alberto Parreira, que contou com supervisão de Mário Jorge Lobo Zagallo, e que era bastante favorável ao estilo “retranqueiro” de jogo. Os volantes Dunga e Mário Silva eram a cara daquele time com maior pegada.

O talento brasileiro não foi deixado de lado, no entanto. Raí (PSG), Zinho (Palmeiras), Romário (Barcelona), destaque da Seleção, da Copa e eleito o melhor jogador do mundo em 94, e Bebeto (La Coruña) eram os representantes do futebol arte brasileiro. No primeiro jogo, contra a Rússia, Romário e Raí marcaram. Depois, contra Camarões, um 3 a 0 com tentos de Romário, Márcio Santos e Bebeto.

No último jogo da primeira fase, um empate com a Suécia, em 1 a 1. O Brasil ainda eliminou os anfitriões Estados Unidos, no Dia da Independência norte-americana, com gol de Bebeto, nas oitavas-de-final. Passou por sufoco nas quartas, quando chegou a estar vencendo a Holanda por 2 a 0, mas viu um empate surgir no segundo tempo. O gol salvador de Branco, de falta, só veio nove minutos antes de a partida terminar.

Na semifinal, a Seleção ganhou novamente com um placar magro: 1 a 0 na Suécia, gol do baixinho Romário, de cabeça, aos 35 do segundo tempo. Na final, enfrentou a também tricampeã Itália. Com chances desperdiçadas, a partida foi para os pênaltis após o 0 a 0 no tempo normal.

O tetracampeonato só veio nas penalidades, quando Romário, Branco e Dunga acertaram suas cobranças e viram Baresi, Massaro e Baggio perderem pelo time italiano.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

VEJA NOSSA EDIÇÃO DO DIA

Time comandado por Telê Santana é reverenciado por técnicos como Guardiola e Tite (Foto: Acervo/CBF)

Copa 2018

Há anos, Fut-Encontro promove gratuitamente interação entre público, jornalistas, atletas e ex-jogadores (Foto: Divulgação)

Copa 2018

Confronto traumático para brasileiros poderia ter ocorrido antes da final (Foto: Reprodução/Fifa.com)

Copa 2018

Até hoje os brasileiros se perguntam por que Zagallo escalou Ronaldo (Ronaldinho à época) na final (Foto: Célio Jr./AE)

Copa 2018
Ainda não possui um cadastro? Registre-se

ou

Articulistas

Colunistas

Governo tem discurso otimista, mas a realidade é dura para os brasileiros (Foto: Camila Domingues/ Palácio Piratini)

Opinião

Internautas precisam filtrar informações que recebem nas redes sociais (Foto: Marcos Santos/USP Imagens/Fotos Públicas)

Opinião

Freud, quando criança, ao lado de seu pai (Foto: Divulgação/freud-museum.at)

Opinião

Alteração no Núcleo Cabuçu coloca em risco o Parque da Cantareira (Foto: Reprodução/Google Maps)

Opinião