23
Ter, Out

Jogos de tabuleiros ainda fazem sucesso entre as crianças (Foto: Divulgação)

Cidade

A reportagem do Metrô News resolveu ajudar quem vai aproveitar o feriado de amanhã, 12 de outubro, que coincide com o Dia das Crianças, para fazer um passeio com os baixinhos. Foram escolhidas opções bastantes diferentes: desde lançamento de livros, oficina de origami, estreia de filmes infanto-juvenis nos cinemas e teatro.

As telonas merecem destaque, pois três estreantes são voltados para o público infantil. Enquanto “Tudo por um Pop Star”, estrelado por Maísa Silva, Klara Castanho e Mel Maia, é voltado para os adolescentes, a animação “Cinderela e o Príncipe Secreto” promete deixar os mais baixinhos vidrados com sua história empolgante.

Quem decidir visitar a Avenida Paulista, que fica totalmente aberta aos pedestres durante feriados e domingos, também terá várias opções de lazer. Na Japan House, os pequenos poderão participar de uma oficina de origamis. No Itaú Cultural, ênfase para a possibilidade de “novas” experiências aos baixinhos: pião, peteca e jogos de tabuleiro tomam a cena no local.

O Sesc Consolação comemora Dia das Crianças com projeto Pé de Letras, uma tarde inteira de diversão na Praça Rotary e na Biblioteca Monteiro Lobato. São várias atividades gratuitas, entre brincadeiras e leitura. O evento ocorre amanhã, das 12h às 18h, na Praça Rotary e dentro da biblioteca. A Fundación Mapfre também promoverá atividades no Zoológico de São Paulo.

Estreias nas telonas

Tudo por um Pop Star- As adolescentes e melhores amigas Gabi (Maísa Silva), Manu (Klara Castanho) e Ritinha (Mel Maia), fãs da banda pop Slavabody Disco Disco Boys, descobrem que os ídolos vão tocar no Rio de Janeiro. Elas farão de tudo para que seus pais deixem elas assistirem a um show fora da cidade onde moram.

Cinderela e o Príncipe Secreto – Essa história da Cinderela é bem diferente de tudo o que já foi apresentado ao público: ela descobre, no Baile Real, que o príncipe é uma farsa. O verdadeiro representante do reino foi transformado em rato por uma bruxa malvada. A futura princesa precisa embarcar em uma grande aventura para reverter o feitiço e restaurar a ordem no lugar.

Goosebumps 2 – Estados Unidos, vésperas do Halloween. Sonny (Jeremy Ray Taylor) e Sam (Caleel Harris) são grandes amigos, que encontram um livro incompleto guardado dentro de um baú, em uma casa abandonada. Ao abri-lo, eles despertam um boneco maligno. Ele usa os jovens para criar sua própria família de monstros.

Lançamento de livro e oficina de origamis

A Japan House São Paulo realiza, amanhã, o lançamento do livro “Vovó veio do Japão”, da Companhia das Letras, e uma oficina de origamis para crianças de 5 a 10 anos de idade. Durante o fim de semana, acontece em horários especiais uma oficina com tema “Construção de Soluções Solares”, para conscientizar os pequenos sobre o acesso à energia no Brasil e no mundo. O espaço fica na Avenida Paulista, 52, no Bela Vista.

Central de Jogos no Itaú Cultural

Amanhã, às 11h, o Itaú Cultural promove gratuitamente a "Central de Jogos". Brinquedos tradicionais, como pião e peteca, e jogos de tabuleiro ganham espaço em meio à inovação tecnológica no local. A atividade oferece nostalgia aos pais e novas experiências às crianças. O Itaú Cultural fica na Avenida Paulista, 149, no Bela Vista.

Muita festa e até Fliperama

No Juventus, a festa acontece no sábado, 13, das 10h às 18h. Além do futebol de sabão, da bolha gigante na piscina e do pula-pula, haverá também o lançamento do livro infantil “As Aventuras dos Pensamentos Mágicos”, de Ricardo Magalhães. Para quem gosta de jogos eletrônicos, o local terá um campeonato de Fliperama. A inscrição é gratuita e haverá premiação (os interessados em participar devem se inscrever através do telefone: 2271-2000/ Ramal 2041). Crianças e adolescentes de até 17 anos e sócios possuem entrada franca. Os demais pagam R$ 5. O clube fica na Rua Comendador Roberto Ugolini, 20, na Mooca.

 Teatro também é opção

De amanhã a domingo, sempre às 17h30, o Shopping Metrô Tatuapé (Rua Domingos Agostim, 91, Tatuapé) recebe a peça “Abracadabra – Entre Bruxas e Fadas”, que conta a história de uma fada que queria ser bruxa e resolve se disfarçar. Ela apronta muita confusão em uma escola de aprendiz de feiticeiros. O espetáculo promete além de diversão, mostrar que aprender a viver com as diferenças pode se tornar uma grande aventura. O ingresso custa R$ 40, com possibilidade de meia-entrada pelo http://bit.ly/2RFtaVg.

Serviços

Japan House São Paulo

Lançamento do livro “Vovó veio do Japão” e oficina de origamis para crianças de 5 a 10 anos de idade – entrada gratuita

Amanhã, às 11h

Avenida Paulista, 52, Bela Vista

 Itaú Cultural

Central de Jogos – entrada gratuita

Amanhã, às 11h

Avenida Paulista, 149, Bela Vista

 Juventus

Futebol de sabão, bolha gigante, pula-pula, Fliperama e lançamento do livro infantil “As Aventuras dos Pensamentos Mágicos” – entrada gratuita para crianças e adolescentes até 17 anos. O restante paga R$ 5.

Sábado, 13, das 10h às 18h

Rua Comendador Roberto Ugolini, 20, Mooca

 Shopping Metrô Tatuapé

Peça teatral “Abracadabra – Entre Bruxas e Fadas” - Ingressos a R$ 40, pelo http://bit.ly/2RFtaVg

Amanhã, sábado e domingo, 13 e 14, às 17h30

Rua Domingos Agostim, 91, Tatuapé

 Praça Rotary

Atividades gratuitas

Amanhã, das 12h às 18h

Rua Major Sertório, Vila Buarque

 Biblioteca Monteiro Lobato

Atividades gratuitas

Amanhã, das 12h às 18h

Rua General Jardim, 485, Vila Buarque

 Zoológico de São Paulo

Oficinas Viver com Saúde – Crianças de até 5 anos não pagam. Entre 6 e 12, R$ 15. Acima desta idade, a entrada custa R$ 36

Amanhã, sábado e domingo, às 11h e às 14h

Avenida Miguel Stéfano, 4241, Água Funda

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

Se você ainda tem dúvidas do que fazer com seu filho no Dia das Crianças, dê o play no vídeo! 

MC Sophia, presente na apresentação da pesquisa, afirmou que é necessário conversar com a juventude na periferia (Foto: Ivo Lindbergh)

Cidade

Para a grande maioria dos paulistanos, o uso de álcool e drogas por crianças ou adolescentes aumentou nos últimos 12 meses na cidade de São Paulo. Segundo pesquisa realizada pela Rede Nossa São Paulo, oito a cada dez (cerca de 82%) das pessoas que vivem na Capital têm a sensação de que houve aumento no consumo de substâncias ilícitas por este público.

A constatação faz parte de levantamento mensal realizado pela entidade, chamado de “Viver em São Paulo”. No caso de outubro, o tema escolhido foi a relação da cidade com as crianças e adolescentes.

De acordo com o secretário-adjunto de Governo da gestão Bruno Covas (PSDB), Alexis Vargas, estes dados vão auxiliar a Prefeitura na elaboração do primeiro Plano Municipal para a Primeira Infância, que deve ser divulgado ao fim do mês. “Os números representados nesta pesquisa, com certeza, vão ajudar a procurarmos soluções para esses problemas”, disse.

Entre o público de pais e responsáveis de crianças e adolescentes na cidade de São Paulo, o principal problema encontrado no município é referente à lotação do transporte público. Dentre os entrevistados, um a cada cinco (cerca de 22%) respondeu que este é o maior incômodo no município. Logo em seguida, os responsáveis citaram a falta de respeito da população, em itens como não ceder espaço e assentos preferenciais para pessoas com crianças.

Soluções a partir da discussão

A diretora executiva da Rede Conhecimento Social, Marisa Villi, explicou que a iniciativa de realizar uma pesquisa voltada ao público infantil é bastante válida para que o município crie soluções para os problemas encontrados. “As crianças se relacionam com o ambiente em que vivem. Tivemos a constatação de que o que elas menos gostam na cidade são os lixos na rua e desorganização do espaço público, como parquinhos quebrados”, disse. Segundo ela, o que este público mais aprecia são lugares coloridos e voltados ao público infantil.

Para a Rede Nossa São Paulo, a cidade é “pouco amistosa e acolhedora para crianças e adolescentes”.

MC Soffia cita falta de cultura na comunidade

O evento de divulgação dos números, realizado no Sesc Consolação, contou com a presença da MC Soffia, de 14 anos. Ela é cantora e suas letras falam sobre feminismo, liberdade de expressão e empoderamento negro na sociedade. “Eu acho que faltam espaços culturais nas periferias, para que os jovens possam se expressar na comunidade e serem ouvidos”, falou.

Questionada sobre o que faria se fosse prefeita por um dia, ela primeiro respondeu que nunca tinha pensado nessa possibilidade, já que seu desejo é, um dia, se tornar presidente da República. Depois de arrancar risadas e aplausos da plateia, ela afirmou que escutaria os jovens para criar coletivos. “Tem lugar que muita gente canta, em outros, muita gente dança. É importante esse manifesto para nossa sociedade”, concluiu.

Entre os animais que serão estudados pelas crianças, estão os leões (Foto: Reprodução/Facebook)

Cidade

O Zoológico de São Paulo preparou uma programação especial para o Dia das Crianças neste mês de outubro. As ações vão desde atividades didáticas para os pequenos conhecerem melhor os hábitos dos animais até sessões educativas, que mostram aspectos da infância na cultura indígena.

Até o dia 14 deste mês, as crianças vão aprender mais sobre as girafas, leões-marinhos, leões e conhecer alguns animais que ficaram famosos por serem representados por desenhos animados.

Neste ano, a celebração da data tem um gosto especial, pois o espaço chegou a ficar fechado por quase dois meses no início de 2018, depois que um macaco morreu por febre amarela. O Zoológico foi interditado no dia 23 de janeiro e reaberto em 14 de março, um dia antes de completar 60 anos.

O ambiente, que recebe 1, 5 milhão de visitantes anualmente, é um dos mais visitados por crianças na Capital, principalmente, no mês de outubro.

Mais informações disponíveis no link https://bit.ly/2ybJsgr. Crianças até 5 anos não pagam entrada. Para jovens de 6 a 12 anos, o ingresso custa R$ 15. A partir dos 12, o valor é R$ 36.

Fundação Parque Zoológico de São Paulo

Avenida Miguel Stéfano, 4241
Água Funda – São Paulo – SP – CEP 04301-905
Fone: (11) 5073-0811 / Fax: (11) 5058-0564

Horário de funcionamento

De segunda-feira a domingo, das 9h às 17h
Fechamento da bilheteria: 16h30min
Venda de Ingressos na Bilheteria do Zoológico para o Mundo dos Dinossauros: Até 16h

Bolha gigante é uma das principais atrações do Dia das Crianças no clube (Foto: Reprodução/Facebook)

Cidade

Clube Atlético Juventus quer fazer do Dia das Crianças uma data inesquecível para os Molequinhos e Molequinhas. Pensando em agradar todos os pequenos, o clube confirmou mais duas atrações para a festa.

Além do futebol de sabão, da bolha gigante na piscina e do pula-pula, haverá uma atração cultural. Para aqueles que gostam de ler, a festa será palco do lançamento do livro infantil “As aventuras dos pensamentos mágicos”, de Ricardo Magalhães. Os direitos autorais do autor serão doados para a AACD.

 Além disso, em parceria com o Clube Pinheiros e os com os AquaLoucos, ocorrerá uma apresentação de saltos ornamentais, a partir das 11 horas.O dia ainda promete diversas atrações. Quem curte jogos eletrônicos, poderá participar de um campeonato de Arcade – Fliperama. A inscrição é gratuita e haverá premiação. Os interessados em participar devem se inscrever através do telefone: 2271-2000/ Ramal 2041.

Já os cantores-mirins também terão o seu momento na festa. O Conservatório Musical Leopoldo Miguez disponibilizará instrumentos musicais para apresentação de crianças e adolescentes de 3 a 17 anos. Todos os participantes vão ganhar um brinde surpresa. Os alunos do Conservatório também irão se apresentar.

A festa acontece no dia 13 de outubro, na Sede Social, entre 10 e 18 horas. Jovens de até 17 anos e sócios do clube possuem entrada franca. Já adultos não-associados pagam R$ 5,00.

 Serviço 

Dia das Crianças do Moleque Travesso

Data: 13 de outubro de 2018

Horário: Das 10 horas às 18 horas

Local: Rua Comendador Roberto Ugolini, 20 – Mooca – São Paulo

Entrada: Crianças e adolescentes até 17 anos e sócios do clube possuem entrada franca

Adulto não sócio: R$ 5,00

Crianças terão a oportunidade de assistirem a peças de teatro, musicais e a outros espetáculos. Além disto, elas poderão participar de oficinas (Foto: Jefferson Coppola/Divulgação)

Cidade

O mês de outubro chega no Sesc Santo Amaro com muitas atrações para crianças de todas as idades. Tem os shows musicais Little Lions (Pequenos Leões), com uma das principais bandas de reggae do país, Leões de Israel, dias 12 e 13 - com repertório acessível em Libras (Língua Brasileira de Sinais); Iaiá e os Erês, nome do primeiro disco infantil de Iara Rennó, dia 21; e no dia 28 a apresentação Gonzagão para Crianças, convidando o público a vivenciar o xote, o baião, o xaxado, entre outros ritmos.

 A peça da Cia. Articularte, O Trenzinho de Villa-Lobos, conta a história do compositor brasileiro ainda criança, no dia 21 de outubro. Uma semana depois, no dia 28 de outubro, a Balangandança Cia. apresenta Presente! Feito da Gente, em que brincam com a maneira de se ver e de se relacionar com a natureza.

 O circo pede passagem com dois espetáculos. The Bigosty Show’s traz a essência dos shows de variedades dos anos 1940 e 1950, com direito a um showman e muitas improvisações humorísticas no dia 12. E a POIN - Pequena Orquestra Interativa recebe no dia 14 os Parlapatões para interagir com muita alegria à mistura de ritmos dos balcãs, klesmer, valsas malucas e música ciganada feita pela orquestra.

 Quem for à unidade no dia 14, domingo, poderá participar da intervenção Parque Sonoro, na Praça Coberta. A atividade criada pela Cia. Porto de Luanda desenvolve uma cadência de ritmos percussivos e envolventes a partir de uma mesa móvel construída com objetos inusitados, tudo para despertar a curiosidade do espectador.

Não são só os espetáculos que têm vez no mês de outubro no Sesc Santo Amaro. Acontecem ainda muitas outras atrações para os pequenos como oficinas, contação de histórias, vivências e atividades esportivas.

 Como parte do Sessão Pipoquinha, serão exibidos os longas brasileiros para crianças: Castelo Rá-Tim-Bum (6/10); Tainá, uma Aventura na Amazônia (13/10); D.P.A - Os detetives do prédio azul (19 e 20/10); e Menino Maluquinho (27/10).

 Em outubro, todas as unidades do Sesc convidam o público a experimentar o universo da comida e as suas relações com a saúde e com a cultura no Experimenta!. E as crianças não poderiam ficar de fora. Ciça Magalhães ministra uma oficina de massinhas comestíveis 4D em dois sábados (13 e 27). A atriz fará também duas sessões de contações de história voltadas ao ensino da alimentação saudável para crianças: O Que a Gente Come?, dia 13/10 e Charlie e Lola - Eu nunca vou comer um tomate, dia 27/10. Confira a programação completa aqui

 

Complexo turístico está localizado em Itu com atividades de lazer em meio à natureza (Foto: Divulgação)

Cidade

 O Dia das Crianças (12 de outubro) está chegando e o Parque Maeda preparou uma programação especial para celebrar a data. Nos dias 12 e 13 de outubro, filhos que estiverem hospedados com seus pais na pousada do parque poderão participar de atrações especiais voltadas a eles, como a Oficina Minichef de cupcake, Trilha do Pôr do Sol – um belíssimo passeio pelo parque ao pôr do sol -, Yoga que envolve pais e filhos, Quebra-Gelo – intervenção animada com o público, na beira da piscina, com música, prêmios e brincadeiras -, e Bolha de Sabão Gigante. 

 Lembrando que a programação de Dia das Crianças só é oferecida a famílias hospedadas no parque, no período de 12 e 13 de outubro.  Reservas podem ser feitas pelo e-mail: pousada@parquemaeda.com.br ou pelo telefone (11) 2118-6262. A pousada conta com 50 chalés com capacidade para 7 pessoas, 44 chalés para casal e mais 33 apartamentos com capacidade para 4 pessoas. Cada chalé tem banheiro, TV e frigobar, além de roupas de cama e banho.

Sobre o parque

O Parque Maeda está localizado em Itu, a 75km de São Paulo, e oferece diversas atrações em meio à natureza para todas as idades. O local é famoso não só pelas opções de lazer, mas pelos fortes traços da cultura oriental que vão desde as belas flores do jardim japonês até os pratos típicos servidos no restaurante, como sushis e sashimis.

Aos finais de semana e feriados, todas as atividades do parque são abertas e os visitantes têm a opção de adquirir o passaporte promocional, um day use que permite usufruir de diversas atividades, incluindo o almoço.

Durante o mês de agosto, o passaporte estará com preço reduzido e os clientes podem aproveitar também as promoções disponibilizadas para as compras feitas pelo site www.parquemaeda.com.br. Para crianças de até quatro anos, o day use é gratuito, desde que acompanhadas de um adulto pagante.

Para toda a família

 Entre as opções para curtir com as crianças estão as piscinas com toboágua, teleférico, carruagem, pedalinho, quadriciclo e circuito de arvorismo.

 Para conhecer os principais pontos do Parque Maeda, você pode se divertir com o passeio de trenzinho ou se aventurar nos teleféricos de 460 e 600 metros de extensão. Um dos passeios leva os visitantes até a árvore gigante, uma árvore centenária com vários mirantes construídos sobre a copa - o mais alto chega a 22 metros de altura. As atividades de lazer têm início às 9h e seguem até as 17h. O horário individual das atrações está disponível no site: www.parquemaeda.com.br.

 Pesca esportiva

 Um dos motivos que levam pessoas de todo o Estado de São Paulo a visitarem o Parque Maeda é a pesca esportiva. O local é referência entre os amantes da pesca, que chegam a encontrar peixes de até 20 quilos nos tanques. No pesqueiro estão disponíveis a pesca diurna e noturna, das 7h às 23h30.  Além do Pesqueiro, o Parque disponibiliza também o Tancão e o Tanque de Engorda para pesca diurna.

Serviço

O Parque Maeda está localizado em Itu, a 75 km de São Paulo. Informações aos visitantes pelo número (11) 2118-6200.

VEJA NOSSA EDIÇÃO VIRTUAL

Bolsonaro é visto como um candidato "teflon", pois nada gruda nele (Fotos: Tãnia Rêgo/ABR e Ricardo Stuckert/Fotos Públicas)

Nacional

Especialistas em Ciência Política acreditam que muito dificilmente a vantagem de Jair Bolsonaro (PSL) poderá ser revertida nos próximos dias, que precedem a eleição presidencial. De acordo com o cientista político Eduardo Grin, professor da FGV EAESP, nada “cola” no candidato preferido dos eleitores – segundo pesquisa do BTF/FSB, ele tem 60% dos votos válidos, contra 40% de Fernando Haddad (PT). “Já teve declaração desastrosa de companheiros políticos, aquela denúncia do pacote do Whatsapp, mas nada parece abalar a candidatura do Bolsonaro”, disse. Neste momento, 94% dos que votariam em Bolsonaro afirmaram que estão convictos da decisão. Nos eleitores do petista, o índice é de 90%. Foram entrevistados 2 mil eleitores, entre 20 e 21 de outubro, segundo o levantamento. A margem de erro segue sendo de dois pontos percentuais. O mestre em Ciência Política e doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Universidade de São Paulo (USP), Philippe Franco Scerb, analisou que a imagem “antissistema” do ex-capitão o favorece muito nesta corrida presidencial. “A denúncia de um possível Caixa 2, por exemplo, se tornou motivo de ironia entre o eleitorado”. No último estudo, publicado em 14 de outubro, Bolsonaro aparecia com 59% das intenções de voto, contra 41% do petista. Na intenção de voto estimulada, o candidato do PSL cresceu um ponto percentual, de 51 para 52%. Haddad permaneceu com 35%. Votos brancos e nulos somaram 4%, não souberam 4% e 5% responderam que não escolheriam nenhum dos dois.Votação expressiva pode gerar capital político maior Segundo Grin, a ideia da campanha de Bolsonaro, agora, é de vencer com maior número de votos do que os últimos presidentes eleitos no Brasil. Luís Inácio Lula da Silva (PT) obteve 52,7 milhões de votos (61,27%) em 2002 e 58,2 (60,83%) em 2006. Já Dilma Rousseff (PT) ganhou com 55,7 milhões (56,05%) em 2010 e 54,5 milhões (51,64%) em 2014. “Se obtiver maior percentagem do que Lula em 2002, por exemplo, ele terá um poder político maior para negociar com o Congresso no início do mandato”, explicou o especialista. “Sem dúvidas, uma votação bastante expressiva pode levar Bolsonaro a aprovar sua pauta junto a partidos que nem o apoiaram formalmente”, disse Scerb. “Candidatos com uma base semelhante entendem que seus eleitores querem que aquela agenda seja aprovada e isso gera mais força ao governo”. Ibope e Datafolha também divulgarão pesquisas Hoje será a vez do Ibope divulgar sua segunda pesquisa deste turno das eleições. Em 15 de outubro, Bolsonaro tinha 59% dos votos válidos, contra 41% de Haddad. O Datafolha vai publicar levantamento na quinta-feira, 25. No último estudo, os candidatos contavam com o mesmo percentual levantado pelo Ibope.

Bolsonaro é um fenômeno que boa parte da imprensa insiste em ignorar, mas que a população tem como única solução (Foto: Tânia Rêgo/ABR)

Opinião

No último domingo, apesar de boa parte da mídia ignorar, por questões de interesse, milhões de pessoas foram às ruas, por vontade própria, num admirável gesto de democracia, apoiar o candidato que, de forma extremamente inovadora, com praticamente custo zero perto do que se gastam com campanhas políticas, lidera as pesquisas. Ao que parece, o povo se desprendeu das garras do quarto poder e democraticamente exige mudança. Se esta será boa ou não, o tempo vai dizer, mas uma coisa é fato: a alternância de poder é saudável em qualquer democracia e por aqui já se passou da hora de mudar. A dita esquerda no Brasil tentou a todo custo um projeto criminoso de poder que, graças à Operação Lava Jato, resultou na prisão de diversos políticos poderosos e apresentou ao Brasil os bastidores sujos e asquerosos da política que desviou trilhões da educação, segurança, saúde, etc... A todo custo tentam ainda agarrar-se ao poder com mentiras, ataques e o velho jogo sujo da política sifilítica. Culpar o aplicativo de mensagem WhatsApp pelas atrocidades que o próprio partido cometeu é tão estúpido e absurdo quanto tentar comparar Bolsonaro com Trump. O norte-americano venceu apenas no colégio eleitoral, mas Bolsonaro pode vir a vencer na maioria absoluta de votos, o que numa democracia é literalmente a voz e o desejo do povo. Se você não enxerga isto, precisa urgente sair da bolha, e se não respeita, está muito próximo do palavrão que costuma xingar os colegas que discordam de você. Trump é bilionário e teve total apoio da máquina do Partido Republicano na campanha. Bolsonaro está em um partido anão e possuía oito segundos na TV. Trump tem as nuances e vícios de todo gênio comunicador, pois por anos liderou a audiência na TV americana. Bolsonaro é um sujeito simples com discurso coloquial, por vezes até rasteiro, mas que vai ao encontro das massas, sem esforço para tal.Goste você ou não, é um fenômeno popular maior ainda até do que Lula, que diferentemente do “capitão” foi programado e produzido por esquemas publicitários, a custo de ouro do dinheiro público, para transformá-lo num “mito”. Bolsonaro é um fenômeno que boa parte da imprensa insiste em ignorar, mas que a população tem como única solução, como comprovou a manifestação gigantesca no domingo. Isto chama-se democracia, senhores. Aprendam com isto e deixem o País seguir. Bolsonaro foi o primeiro brasileiro, em campanha, a sofrer um atentado político; o primeiro a não fazer os velhos acordos; o primeiro a ter um nome (até aqui) limpo, algo que nem sonharíamos existir na política; e pode vir a ser o primeiro presidente a vencer uma eleição com o menor investimento já feito em campanha, comprovando que o tal fundo partidário é desnecessário e deveria ser direcionado para o que importa à população. O sujeito com uma caneta Bic nas mãos, um relógio Cassio e roupas simples, sozinho, sem verba, peitou a maior emissora do País, desafiou a imprensa e toda turma arrogante que se diz intelectual sem nunca ter produzido nada que valha o adjetivo. Amigos, se isto não é, no mínimo, uma expressiva revolução política e total quebra de paradigmas do status quo, você realmente precisa sair do jardim da infância e viver no mundo real.

Na capital, tucano tem rejeição de quase 40% (Fotos: Reprodução/Twitter e Carlos Bassan/Fotos Públicas)

Cidade

De acordo com levantamento divulgado nesta segunda, 22,  pelo Instituto Paraná Pesquisas, o candidato tucano ao governo do Estado, João Doria, cresceu quase dois pontos percentuais na disputa contra Márcio França (PSB). O ex-prefeito da Capital tem 54,1% das intenções de voto (antes, eram 52,3%). Já o atual governador caiu de 47,7% para 45,9%. Dentre o eleitorado paulistano, 37,6% afirmaram que votariam com certeza em Doria, enquanto 21,7% poderiam votar nele. O índice de rejeição do tucano é de 38,9%. No caso de Márcio França, 31,7% contaram que têm convicção na escolha por ele, 25,8% disseram que poderiam votar e 40% não votariam de jeito nenhum. Ainda segundo a pesquisa, a grande maioria dos paulistas acredita que João Doria será o próximo governador do Estado: 58,5% dos entrevistados têm essa percepção. Apenas 31,6% imaginam que França pode ganhar a eleição.No caso da opção de voto para presidente, Jair Bolsonaro (PSL) tem 69,1% do eleitorado paulista, enquanto Fernando Haddad (PT) te, 30,9%. Foram entrevistados 2.010 eleitores, entre os dias 18 e 21 de outubro, em 88 municípios do Estado.

Ex-capitão lidera em todas as pesquisas (Fotos: Tânia Rêgo/ABR e Ricardo Stuckert/Fotos Públicas)

Nacional

Nova pesquisa do BTG/FSB, divulgada nesta segunda-feira, 22,  mostra que o candidato Jair Bolsonaro (PSL) aumentou sua vantagem dentro da margem de erro contra Fernando Haddad (PT). Segundo o levantamento, o ex-capitão conta com 60% dos votos válidos, contra 40% do adversário. A margem de erro continua sendo de dois pontos percentuais. No último estudo, publicado em 14 de outubro, Bolsonaro aparecia com 59% das intenções de voto, contra 41% do petista. No cenário espontâneo, quando o nome dos candidatos não é dito ao entrevistado, o ex-militar caiu um ponto percentual, ficando com 48%, enquanto Haddad cresceu um ponto, chegando a 31%. Os votos brancos e nulos atingem 6%, enquanto 5% responderam “nenhum” e 11% não souberam opinar. Na intenção de voto estimulada, porém, o candidato do PSL cresceu um ponto percentual, de 51 para 52%. Haddad permaneceu com 35%. Votos brancos e nulos somaram 4%, não souberam 4% e 5% responderam que não escolheriam nenhum dos dois. A pesquisa também abordou a decisão definitiva de votos de cada eleitor. Neste momento, 94% dos que votariam em Bolsonaro afirmaram que estão convictos da decisão. Nos eleitores do petista, o índice é de 90%. A rejeição dos candidatos ficou em 52% para Fernando Haddad e 38% para Bolsonaro. Foram entrevistados 2 mil eleitores, entre 20 e 21 de outubro.
or
or

Articulistas

Colunistas

Bolsonaro é um fenômeno que boa parte da imprensa insiste em ignorar, mas que a população tem como única solução (Foto: Tânia Rêgo/ABR)

Opinião

Profissionais consagram suas vidas ao serviço da humanidade (Foto: ASCOM SUSIPE/Fotos Públicas)

Opinião

O último bastião do PT ainda é o Nordeste, mas este já não é tão inexpugnável (Tânia Rêgo/ABR e Ricardo Stuckert/ Fotos Públicas)

Opinião

Apesar de constar no ordenamento jurídico pátrio, o Princípio da Isonomia quase não é observado e aplicado (Foto: Nelson Jr./SCO/STF )

Opinião